Revelando, imortalizando histórias e talentos
21.10.16

 

Bem no início da película  de  “O Mestre dos Gênios”, sob estreia na direção  do ator Michael Grandage, é possível perceber o que está por vir.

Colin Firth e Jude Law

 

A bela fotografia em tons de sépia, um  tom reverente e a as atuações empostadas sinalizam: estamos cara a cara com a pessoas que você precisa admirar devido importância para a literatura norte-americana do personagens principais da trama.

 

O editor Max Perkins, papel de Colin Firth, Thomas Wolfe, vivido por Jude Law, Ernest Hemingway, encenado por Dominic West, F. Scott Fitzgerald, por Guy Pearce e sua mulher Zelda, interpretado por Vanessa Kirby. Claro que,  em cena, sabemos que são prestigiados e prestigiosos, e isso seroa o bastante para o diretor,  que dirige  um roteiro de John Logan a partir da biografia de Perkins, cuja assinatura é  de  A. Scott Berg.

 

Ao centro desta  relação turbulenta do editor com Wolfe  - não é o Tom Wolfe, autor de “A Fogueira das Vaidades. Desde o começo do longa, em 1929, toda a profundidade intelectual e emocional dos dois personagens é deixada de escanteio, assim como a também turbulenta relação entre mercado/negócio e literatura, em favor de uma espécie de romance literário enfadonho. vale cada centavo pago pelo ingresso. 

 

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 00:56  comentar

Outubro 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10


23



SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO