Revelando, imortalizando histórias e talentos
18.5.12

 

Comissão não tem poder de punir ninguém o que caracteriza caça às bruxas, revanchismo e exibicionismo. Até quando o Brasil vai ser um país do 'faz nas coxas' ?
 
Foto: jornal floripa
Para início de conversa doa a quem doer, qualquer negócio onde somente um lado leva vantagem, não é honesto é uma sacanagem, e esse mofo existe na Comissão da Verdade.  é preciso explicitar que, as organizações e grupos de guerrilhas armadas jamais lutaram em prol de democracia, jamais reivindicaram a democracia em suas matanças, assaltos e torturas. É isso mesmo, os grupos guerrilheiros mataram e torturaram tanto quanto os militares. A função dos bandos armados nada mais era do que uma ideia fixa de derrubar o governo militar, e assim implantar sua própria ditadura, seu próprio esquema. Ou seja, trocar seis por meia dúzia.
 
 
A guerrilheira e assaltante de banco e quartel Dilma Rousseff, atual presidenta do Brasil, aprovou nesta quarta-feira, 16, a Comissão da Verdade que deverá apurar supostas violações dos Direitos Humanos período de 1946 até 1988 cometidos durante o governo militar. Prometendo uma apuração justa e sem revanchismo, a velha guerrilheira sabe que isso não acontecerá e jorra lágrimas de crocodilo durante anúncio. As investigações se insurgirão apenas contra os militares e jamais sobre os guerrilheiros o que deixa à vontade os integrantes da comissão.

Dilma compromete Comissão da Verdade


 
A partir deste ponto de vista a isenção nas investigações é algo a ser descartada. O revanchismo ficou evidênciado quando Dilma subiu ao púlpito e descarregou sua falsa emoção em público. A presidenta induziu, sugestionou e apontou os rumos que as investigações deverão seguir com este gesto. Não existe verdade unilateral como a Comissão da Verdade pretende. Exageros existiram de ambos os lados, e deveriam ser apuradas de forma a esclarecer os brasileiros o que realmente pensavam, o que realmente pretendiam tanto os guerrilheiros quanto os miliatres.
Mas o que se pode perceber que nesta comissão cheia de paixões e idolatria imputando aos guerrilheiros um perfil superior a de um santo, não resta dúvida de que serão maquiados de ovelhas alvas e os militares de ovelhas negras. O resultado está óbvio além de apontar de que lado a corda vai arrebentar, o lado dos militares. Mais uma vez quem perde nesta história é a nação brasileira pois continuará sem saber a verdade e as intenções dos guerrilheiros.

Sem sombra de dúvida não era a democracia a prioridade dos guerrilheiros porque matar não é democrático. Roubar também não é coisa de democracia. Como os guerrilheiros flertavam nas duas frentes, deixemos a liberdade de fora de suas aptidões. A Comissão da Verdade vai durar dois anos e foi assinada pelos ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio da Silva, Fernando Collor de Mello, José Sarney. O Clube Naval do Rio de Janeiro, que comemora do ano comemora o golpe de 64, criou uma comissão paralela para acompanhar as investigações e tentar evitar injustiças. (Francisco Martins).
EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 16:12  comentar

Maio 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10

17

20

28
31


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO