Revelando, imortalizando histórias e talentos
8.2.08

MARK ROTHKO:Inquietaçãointensa


Rothko destacou-se por produzir retângulos de contornos suaves e cores intensas, algo que parecia flutuar em fundo sólido. Trabalhos contrastantes e de harmonias perfeitas. Suas obras tinham como pretexto despertar um sentimento de inquietação em quem as observava.

Nascido Marcus Rothkowitz em Dvinski - Rússia, em 25 de setembro de 1903, foi um letão-nascido judia americana pintor e printmaker que é classificado como um resumo expressionista título rejeitado por Mark. Ele foi educado no sistema escolar público. Como um judeu, o jovem Marcus foi, portanto, um outsider entre estranhos. Aos dez anos de idade imigrou com sua família para os Estados Unidos da América, e aos 18 anos recebeu bolsa de estudos para freqüentar a universidade de Yale. Dois anos depois deixaria a universidade e mudou-se para Nova Iorque. Lá, ele estudou no Art Students League. Marcus começou na escola na América em 1913, acelerando rapidamente de terceira a quinta série, completando os quatro restantes graus, em três anos, depois mudando para o nível secundário que ele completou, com menção honrosa, na Lincoln High School - Portland. Ele estava destinado à arte e foi o primeiro-homem show, quando realizou em Portland Art Museum, uma mostra surpresa que consistia principalmente de desenhos e aquarelas, bem como as obras dele pré-adolescentes estudantes da Academia Center. Sua família não foi capaz de compreender a sua decisão de ser um artista, especialmente em um momento em que a depressão estava no seu momento pior. Eles sentiram que ele estava a fazer um mau a sua mãe por não encontrar uma forma mais lucrativo (e realista) carreira. Tal como o seu pai, Marcus foi liberal e apaixonado sobre questões como os direitos do trabalhador e o direito das mulheres à contracepção. Típico entre judeu liberais, Rothko apoiou a Revolução Russa ainda a sua convicção política pode ser descrita como decorativas no sentido de que ele nunca foi politicamente engajados. No dia 21 de fevereiro 1937, Rothko finalmente tornou-se um cidadão dos Estados Unidos, motivada por receios de que a crescente influência nazista na Europa poderia provocar súbita deportação de judeus americanos, em janeiro de 1940, Marcus Rothkowitz com medo da perseguição de Hitler tornaria-se legalmente Mark Rothko.

Conhecimento e habilidades

Em agosto de 1923 Rothko encontrara emprego no setor de vestuário e fixou residência no Upper West Side. Foi durante uma visita a um amigo ao Art Estudantes Liga de Nova York que ele testemunhou um estudante de arte pintando um modelo nú. Segundo Rothko, este foi o início de sua vida como um artista. Tinha vinte anos e já havia tomado aulas de pintura no ensino médio. No mesmo ano, passou a fazer cursos de arte na Estudantes League of New York ensinado por Max Weber, um outro russo judeu. Foi a partir dai que Rothko começou a ver arte como instrumento de expressão religiosa e emocional e suas primeiras pinturas retratam uma influência weberiana. A partir deste período ele manteve relacionamento em Nova Iorque o que proporcionou um ambiente fértil para a experiência da arte de todas as culturas e períodos. Pintores modernistas apresentados a Rohtko na New York Galleries e museus da cidade foram um recurso inestimável para a promoção de um embrião do artista: conhecimento, experiência e habilidades. Em 1928, tinha sua própria galeria onde apresentava grupo de jovens artistas denominado Opportunity Galeria. Suas telas cobertas de escuro, bem como cenas urbanas geralmente foi bem aceita entre os críticos e parceiros. Apesar de alguns crescente sucesso, Rothko ainda precisava recorrer a outros recursos para complementar o seu rendimento e, em 1929, ele começou a dar aulas de pintura e escultura em argila no Centro Academy onde permaneceu como professor até 1952. Durante este tempo ele encontrou Adolph Gottlieb , que mantinha parceria com Barnett Newman , Joseph Solman e John e foram parte integrante de um grupo de jovens artistas em torno do pintor Milton Avery. Rothko seria muito influenciado por Avery, que passaria a utilizar cenas naturais, com a utilização de um rico conhecimento da forma e cor, um exemplo é a tela de 1933/34 Banhistas. Rothko foi utilizando campos de cor na sua cidade aquarelas e cenas, e por esta altura, decididamente era um Rothko não-intelectual, livre de preocupação formal, embora a composição revelasse um profundo intelecto. Parecia ter alcançado uma iluminação relativa à progressão das suas obras. No entanto, é para o próximo período que temos de virar a nossa atenção, antes de se proceder à maturidade, no período entre os primitivista e brincalhão cenas urbanas e aquarelas do breve período da tarde e, transcendente campos de cor, mostravam uma transição, integrando elementos de ambos os seus precoces e tardias períodos. Sua carreira parecia ser marcada por uma rica e muitas vezes complexas provocado principalmente por dois importantes eventos em sua vida: o início da Primeira Guerra Mundial e sua leitura de Friedrich Nietzsche.

Inspiração de mitologia

Temendo a pintura moderna americana na qual ele se sentia em um beco sem saída, Rothko teve intenção de explorar temas urbanos e natural mais do que outras cenas, temas esses que complementam a sua crescente preocupação com a forma, espaço e cor. Outra coisa bastante explorada por Rothko, era a figura humana ."figura humana sozinho em um momento de absoluta imobilidade" serviu como um protótipo para a pintura final de Rothko, estilo, aqueles maravilhosos campos de cor radiante, sozinho e ainda totalmente do que outros, em direção a imagem transcendente, que remete à mitologia. Rothko, Gottlieb e Newman liam e discutiam as obras de Freud e Jung, em especial as respectivas teorias relativas sonhos e os arquétipos do inconsciente coletivo, e compreendeu símbolos, imagens mitológicas. Através da sua tardia filosofia, ele questionava o próprio fundamento do homem a capacidade de transformar o seu berço de imagens em um novo conjunto de imagens, não mais dependentes da tribais, arcaico e mitologias religiosas. Na raiz de Rothko e Gottlieb da apresentação de formas arcaicas e símbolos como assunto iluminante moderna existência, é a influência do Surrealismo, Cubismo e arte abstrata. Em 1936, participou Rothko duas exposições no Museu de Arte Moderna ", Cubismo e Abstract Art", e "Fantastic Art, Dada e Surrealismo", que muito influenciaram o seu célebre quadro 1938, Metro Scene. Em 1942, na sequência do sucesso da mostra por Ernst, Miró, Tanguy, Salvador Dalí e que tinham imigraram para os Estados Unidos por causa da guerra, o Surrealismo tomou Nova York por tempestade. Enquanto isso, Rothko e os seus pares, Gottlieb e Newman, reuniam-se e discutiam arte e ideias com estes pioneiros da Europa, em particular, sobre Mondrian, e começou a considerar-se como herdeiros à Autoridade Européia para a avant-garde. Ao visitar o Museu de Arte Moderna, ele ficou fascinado pela obra "Quarto Vermelho"de Matisse, e mais tarde atribuindo-lhe a fonte de inspiração.
Four Seasons e Capela
O restaurante que ele se recusava a freqüentar por ser para pessoas pedante, e que ele jamais imaginaria ter uma obra lá porque achava que uma pessoa que pagava um prato de comida tão caro quanto os do "Four Seasons" jamais olhariam para uma obra sua. Pensava ele que sua arte não seria para um local daquele nem para aquelas pessoas. Na verdade ele não queria vender suas obras pois achava-nas superior ao dinheiro. Mas, incentivado por sua ex-esposa, Edith, ele concorda em fornecer para paredes pinturas para a construção do restaurante, "The Four Seasons", na Torre do Edifício Seagram, em Manhattan. Esta foi a primeira vez que ele foi obrigado a não apenas projetar uma série de pinturas, mas a produzir trabalhos artísticos de um espaço específico. Durante os três meses seguintes, Rothko completaria quarenta pinturas, três séries em pleno vermelho escuro e castanho, alterando o seu formato horizontal para a vertical para complementar a característica vertical das janelas e portas do restaurante. A Capela de Houston, um edifício pequeno, com janelas geométricas e estrutura em um estilo decididamente pós-moderna todo feito em pré-fabricados. A Capela, foi toda patrocinada pelo dinheiro de petróleo, dos milionários do Texas - Houston, John e Dominique de Menil. Durante a fase de concepção, as pinturas foram re-arranjadas várias vezes até chegar às posições que são agora vistas. O dinheiro do petróleo incomodava Rothko que cada vez fumava mais. Em 1964, Rothko mudara-se para seu último estúdio na 157 East 69o Street, equipando o estúdio com polias transportando grandes paredes de lona material para regulamentar luz entrando em uma central de cupola, necessárias para re-criar a iluminação que ele tinha planejado para o Rothko Chapel [Capela Rothko]. Ele se tornou bastante envolvido no esquema do estúdio mas cada dia estava pior mentalmente. Suicidou-se em 25 de fevereiro de 1970, em seu estúdio. A liquidação do seu patrimônio tornou-se tema o famoso Rothko Processo. Em 2007, uma obra denominada de Amarelo, Rosa e Lavender sobre Rosa, quebrou o recorde, fora vendida por US $ 72,8 milhões na Sotheby's de Nova Iorque. A pintura foi vendida pelo filantropo David Rockefeller. # Reportagem de F. Martins,publicada na versão impressa de  www.boston.com ,em 03/02 2008]  [fmartins.jor@itelefonica.com.br].
EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 12:53  comentar

Fevereiro 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
14
15
16

17
19
21
22
23

24
25
27
29


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds