Revelando, imortalizando histórias e talentos
22.8.08

Dom Pedro II a Getúlio Vargas. De Rui Barbosa a Sílvio Caldas. Assim foi feita a fama de Poços de Caldas mas o antibiótico e a proibição do jogo atrapalhariam.

A história de Poços de Caldas teve início a partir da descoberta de suas primeiras nascentes e fontes que datam do século XVII. Dois fatores foram responsáveis pelo crescimento da cidade, as águas raras e os poderes de cura. A partir daí a região começou a ser ocupada por ex-garimpeiros desiludidos com as atividades auríferas na região das minas. Porém, a localidade onde hoje se situa Poços de Caldas já pertencia, desde 1818, ao capitão José Bernardes Junqueira. Por isso, quando o Senador Joaquim Floriano Godoy declarou ser aquelas terras de utilidade pública os terrenos junto aos poços de água sulfurosa, determinou também a desapropriação do local. A medida se fazia desnecessária porque o próprio capitão se encarregou de doar os 96 hectares de suas terras para a fundação da cidade. O ato foi assinado no em 6 de novembro de 1872, quando se comemora o aniversário de Poços de Caldas. Suas águas sulfurosas deram início a vocação maior da cidade, que desde 1886, já tinha uma casa de banho funcionando, que era utilizada no tratamento de doenças cutâneas. Fontes termal como a Fonte dos Macacos atrai até hoje turistas. No ano de1889, Pedro Sanches, fundou um outro estabelecimento para a mesma finalidade, captando água da Fonte Pedro Botelho, no local onde atualmente está o parque infantil Darcy Vargas. A água subia até os depósitos por pressão natural. O balneário foi desativado e, em seu lugar foram construídas, em meados dos anos 20, as Thermas Antônio Carlos [à direita], uma das mais belas construções da cidade. 

Visitantes ilustres:
Em outubro de 1886 Poços de Caldas recebia o seu primeiro visitante ilustre, o Imperador Dom Pedro II e a imperatriz dona Tereza Cristina, para a inauguração do Ramal da Estrada de Ferro Mogiana. No ano de 1889, a cidade foi desmembrada do distrito de Caldas e elevada à categoria de vila e município. Sua denominação tem relação com a história da família real portuguesa. Na época em que foram descobertos os poços de água sulfurosa e térmica, a cidade de Caldas da Rainha, em Portugal, já era uma importante terma utilizada para tratamentos e muito freqüentada pela família real. Caldas possui o mais antigo hospital termal em funcionamento no mundo, desde o século XVI. Como as fontes eram poços utilizados por animais, veio o nome Poços de Caldas. Quando o jogo não era proibido no País, a cidade viveu momentos de prosperidade e luxo. Nos salões do Palace Cassino e do Palace Hotel desfilava a mais fina flor da aristocracia brasileira. O então presidente da república Getúlio Vargas tinha uma suíte especial no hotel, com a mesma decoração que ele usava no Palácio do Catete, no Rio de Janeiro, então capital do país. O apartamento preserva os móveis e o estilo da época até hoje. A piscina do hotel, construída em mármore de carrara, sempre foi uma das atrações e isso também está mantido.

Astros e políticos
Foram muitos os cantores famosos que por lá passaram e se apresentariam no Palace Cassino: Orlando Silva, Silvio Caldas, Carmem Miranda e Carlos Galhardo. A literatura enviou seus representantes a Poços de Caldas como Rui Barbosa, Santos Dumont, Olavo Bilac, o romancista João do Rio por exemplo. Entre os políticos, o interventor de Minas Gerais durante o Estado Novo, Benedito Valadares, o presidente Juscelino Kubitschek entre outros foram presenças constantes na cidade.Com a proibição do jogo, em 1946, e a descoberta do antibiótico causaram forte impacto para o turismo na cidade. O termalismo deixou de ser a maneira mais eficaz de tratar as doenças para as quais era indicado. Os cassinos foram fechados. Com a economia da abalada, uma nova fórmula deveria surgir. Logo uma alternativa inesperada começaria, o "ciclo da lua-de-mel" quando tornou-se elegante passar as núpcias na cidade e o turismo conseguiu fôlego para sobreviver. A cidade está investindo para tentar aumentar o fluxo turístico, explorar outros atrativos como o turismo ecológico, cultural, de aventura e esportes radicais. Muitos pontos como Cascata das Antas, Véu das Noivas, as represas e seus tradicionais pedalinhos são um convite à cidade. O artesanato local está sendo incentivado e, está programada para os dias 19 à 23 de novembro, no Complexo Cultural da Urca, a feira temática Natal Artesanal de Poços de Caldas em sua terceira edição. [Francisco Martins - agenciafm@gmail.com ]

 

Capitólio: Washington DC

 
Nenhum outro prédio pode superá-lo em altura, tornando-o mais imponente de Washington DC.
 

Reinando soberanamente em Washington DC, o Capitólio teve sua construção iniciada em 1793, na gestão do Presidente George Washington, e findada em 1863. O prédio sede do Congresso, exibe um domo central estátua alusiva à liberdade. Não foi uma construção fácil, foi cheia de percalços. Em 1814, quando da Guerra Anglo-Americana, 1812 a 1815, as tropas inglesas invadiram o prédio e queimaram parte do seu interior. Quase tudo chama atençao, mas o destaque fica para a sala que mede 30 metros de diâmetro e e 54,85 de altura. Durou 70 anos sua construção, e nenhum outro prédio na cidade pode ter mais de 87,8 m, altura do Capitólio desde sua base, da face leste ao topo da estátua da Liberdade. Aos interessados em visitar o Capitólio, precisa retirar um tiquete no centro de visitante, que fica à esquerda de quem vê o Capitólio, na esquina da rua 1 com a avenida Independence. É preciso tempo disponível de mais ou menos uma hora.

Union Station

Pertinho: ao lado do Capitólio fica a estação de metrô - Union Station, cuja construção data de 1808. A sua suntuosidade e grandiosidade são tanta que, o obelisco cabe deitado ali dentro com sobra. A visitação é soberba, mais de 32 milhões por ano. Uma visita ao local fará muito bem a qualquer um.

Capitólio
Rua 1 com a avenida Independence.
Visitação: de Seg a sáb das 9 às 16h30
[00/xx/1/202/224-4048
http://www.aoc.gov/
Visitas grátis
 

 

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 15:49  comentar

Annie Leibovitz revelada

Mostra londrina cobre vida e carreira de Annie Leibovitz, como por exemplo esta imagem do irmão e pai de Leibovitz em momento de descontração.

Um dos principais museus de Londres abriga, a partir desta quinta-feira, uma exposição fotográfica sobre a carreira e vida da conhecida fotógrafa americana Annie Leibovitz.
Annie Leibovitz: A vida de uma fotógrafa 1990-2005 traz mais de 150 fotos que retratam momentos da vida privada da fotógrafa, como o nascimento de suas três filhas, reuniões em família e com amigos, além de algumas imagens que a consagraram como uma das maiores fotógrafas dos últimos tempos.
Veja fotos by www.bbcbrasil.com.br

A exposição traz retratos de personalidades como os atores Brad Pitt, Nicole Kidman e Al Pacino, além de imagens que capturaram fatos importantes da história mundial, como o cerco a Sarajevo, nos anos 90. Annie Leibovitz começou a carreira nos anos 70 quando começou a documentar a cultura popular americana. Seus primeiros trabalhos foram publicados na revista Roling Stone, da qual tornou-se a principal fotógrafa. Dez anos mais tarde passou a trabalhar para Vanity Fair e Vogue e criou campanhas publicitárias para empresas como American Express, Givenchy e a série de TV The Sopranos.

A exposição fica em cartaz na National Portrait Gallery até 1 de fevereiro de 2009.
 

Amy, musa de mostra aberta em Londres

 
Gerald Laing, artista plástico inglês, usou fotos da cantora Amy Winehouse que foram publicadas em tablóides britânicos e transformou as imagens em obras inspiradas na pop art.
 

Os quadros fazem parte da 'New Paintings for Modern Times' (Novas Pinturas para Tempos Modernos, em tradução livre), que estréia nesta sexta-feira na galeria ocontemporary, mostra do artista em Londres.
 
 
Veja aqui algumas obras em exposição, by http://www.bbcbrasil.com.br/
O artiista plástico já havia usado imagens de outras celebridades como inspiração para sua obra. Ele conta que sua primeira musa foi Brigitte Bardot, em 1963, e depois a atriz Anna Karina."Laing explica que seu fascínio pela cantora vai além da forte imagem visual que Amy possui."O que me interessa é a combinação do maravilhoso poder gráfico da imagem de Amy e os eventos extraordinários e quase míticos de sua vida", dizo artista. Uma das fotos mais conhecida da cantora, por exemplo, que mostra ela abraçada com a mãe no dia em que ganhou cinco Grammy Awards, em fevereiro. As outras imagens mostram Amy em sua casa, passando aspirador e ao lado do marido, Blake Fielder-Civil.

A exposição New Paintings for Modern Times, de Gerald Laing, que traz ainda quadros inspirados em fotos da modelo Kate Moss e da cantora Victoria Beckham, fica em cartaz até o dia 15 de novembro na galeria ocontemporary, Londres.
 
 
Mostra em Paris: Picasso e suas influências

 
O Museu do Grand Palais, em Paris, abriga uma exposição que reúne obras do artista plástico Pablo Picasso e de outros grandes nomes da pintura que inspiraram o gênio espanhol, como Manet, Cézanne, Van Gogh, Vélazquez, Rembrandt e Goya.

Picasso e os mestres reúne 210 obras realizadas entre o século 16 e 1971, pertencentes a grandes museus internacionais e coleções particulares. A mostra é considerada um dos maiores eventos culturais deste ano na França porque representa uma rara oportunidade para ver, reunidos em único local, quadros de Picasso ao lado de obras-primas da pintura ocidental. Alguns dos quadros da exposição parisiense raramente são emprestados por museus internacionais como o do Prado, em Madri, o Museu de Arte Moderna de Nova York, a Gemälde Galeria de Berlim ou a National Gallery de Londres.
Obra-prima
O grande mestre da arte moderna teve uma formação artística extremamente acadêmica em escolas de Belas-Artes, baseada em desenhos inspirados na Antigüidade, cópias de grandes pintores espanhóis e estudo das artes européias. A exposição no Grand Palais também reúne pela primeira vez desenhos de mãos e de bustos realizados por Picasso quando ele tinha apenas 14 anos. "Nesses desenhos já percebemos efeitos de cortes em relação ao espaço e de descentralização das imagens. Quando criança, ele já mostrava o grande pintor que se tornaria", afirma Baldassari. A exposição apresenta de maneira temática e cronológica a inspiração e também o confronto da obra de Picasso com a de outros grandes mestres da pintura por meio de grandes retratos, naturezas mortas, nus e cores. Em uma sala dedicada a quadros de nus, estão reunidos, pela primeira vez na História, a pintura Maya Desnuda, de Goya, e Olympia, de Monet.
O local da exposição também não foi escolhido por acaso. Foi no Grand Palais, em Paris, que Picasso apresentou pela primeira vez, aos 19 anos, suas obras ao público, representando a Espanha em uma mostra coletiva na Exposição Universal de 1900. Paralelamente, para complementar a exposição Picasso e os mestres, duas outras mostras simultâneas sobre o artista também estão sendo realizadas em Paris. O Louvre e o Museu d’Orsay apresentam, respectivamente, variações de obras de Picasso em relação ao quadro Mulheres de Argel, do pintor Delacroix, e interpretações do quadro Almoço na relva, de Manet. [Fausto Visconde adapatdo de
http://www.bbc.co.uk/
Picasso e os mestres fica em cartaz no Grand Palais até 2 de fevereiro de 2009.
 

Indicados ao prêmio Turner expõem em Londres

 
Uma exposição reúne, a partir desta terça-feira, obras dos quatro artistas selecionados para concorrer à edição deste ano do Turner Prize – o mais importante da arte contemporânea britânica e um dos mais controversos do mundo.

As obras dos artistas Mark Leckey, Goshka Macuga, Runa Islam e Cathy Wilkes ficarão em exposição na Tate Britain até janeiro, mas o vencedor será conhecido no dia 1º de dezembro.
Veja aqui algumas obras selecionadas
O vencedor do prêmio - direcionado a artistas com menos de 50 anos de idade que vivem e trabalham na Grã-Bretanha – ganha, além do prestígio, a quantia de £25 mil (R$86 mil).
"O Turner Prize é para mostrar obras que são intrigantes, surpreendentes e interessantes. O prêmio visa criar debate e esse ano é como os anteriores nesse sentido", disse Sophie O’Brien, curadora da mostra.


Polêmica
Entre os artistas já premiados pelo Turner estão a dupla Gilbert e George e Damien Hirst, que venceu o prêmio com a polêmica ovelha conservada em líquido dentro de uma caixa de vidro.
Em 2001, o artista conceitual Martin Creed venceu o prêmio ao exibir uma sala vazia contendo um interruptor de luz que era ligado e desligado. Entre os artistas escolhidos neste ano, Mark Leckey foi escolhido por sua exposição Industrial Light and Magic (Luz Industrial e Mágica, em tradução livre), que traz personagens de desenhos animados como o Gato Félix. Outro trabalho nomeado, da artista Runa Islam, nascida em Bangladesh, é um vídeo que mostra uma mulher olhando obras de porcelana em uma galeria antes de jogá-las no chão, quebrando-as.
A artista plástica polonesa Goshka Macuga, que se considera uma "arqueóloga cultural", foi escolhida para concorrer ao prêmio por suas instalações em vidro, aço e tecido que remetem aos arquivos históricos.


A outra britânica nomeada para a edição deste ano é Cathy Wilkes, que concorre com uma instalação que reproduz o caixa de um supermercado e traz ainda uma manequim sentada em um vaso sanitário com um pote de mingau ao lado dos pés. Segundo a crítica de arte Rachel Campbell-Johnston, o Turner Prize deste ano será "muito, muito confuso". No ano passado, o vencedor foi o artista britânico Mark Wallinger, que levou o prêmio por sua obra ‘State Britain", uma recriação de 40 metros do acampamento que um pacifista instalou às portas do Parlamento britânico, em protesto contra a guerra. [Obra do Inglês Mark Leckey ]. Luiz Mendes/ Francisco Martins adapatação de :
www.bbcbrasil.com.br
 

Mostra 'kitsch' em Versalhes

Mostra 'kitsch' em Versalhes escandaliza franceses. O coelho, a mais famosa escultura de Koons aparece em destaque na mostra.
 
Jeff Koons, artista pop norte-americano, é mais conhecido por suas criações de estilo kitsch com aspiradores de pó, coelhos infláveis, lagostas gigantes. Ele mostra sua arte no Palácio de Versalhes, na França, e está causando polêmica no país.
 
 
Para franceses mais conservadores, obras desse estilo não deveriam ser exibidas em um dos locais mais emblemáticos da história do país, centro do Antigo Regime da monarquia francesa a partir do século 17. Na sexta-feira,12, uma manifestação contra a exposição e levou centena de pessoas em frente ao Palácio de Versalhes. A exposição também continua no famoso jardim do Palácio de Versalhes, onde está exibida a escultura Split-Rocker, composta de 100 mil flores que formam um animal cuja cabeça mistura as formas de um pônei e de um dinossauro. Koons escolheu as obras da exposição em função da decoração e do tema das pinturas das salas onde elas seriam expostas.

Clique aqui para ver fotos [By BBC of London]

Edouard de Royère, presidente da Fundação do Patrimônio francês, criticou a "intrusão" de um artista contemporâneo em um "local mágico como Versalhes". Mas para o diretor do Palácio de Versalhes, Jean-Jacques Aillagon, ex-ministro da Cultura durante a Presidência de Jacques Chirac, "Versalhes deve ser um lugar cultural vivo e não ficar imerso no formol". Koons exibe com certa audácia sua obra Auto-retrato, uma escultura em mármore. Em uma das salas do Apartamento da Rainha, que teve como última ocupante Maria-Antonieta, está sendo exibida uma instalação composta por vários aspiradores de pó e máquinas de lavar carpete, iluminados por lâmpadas de neon.

Kitsch
Jeff Koons, 53, é casado com Chicholina, atriz pornô, nunca obteve sucesso antes, após o casameno tornou-se um dos artistas vivos mais cotados do mundo. Algumas de suas obras são avaliadas em mais de US$ 20 milhões. A exposição Jeff Koons Versailles apresenta 17 obras monumentais do artista, realizadas entre os anos 80 até os dias de hoje.

A mostra Jeff Koons Versailles fica em cartaz até o dia 14 de dezembro.
 

Museu na Alemanha, da cidade de Essen, apresenta uma exposição contando a história dos cartões postais com enfoque para o lado artístico. Alguns criados por artistas como Salvador Dalí, Joan Miró e Marcel Duchamp.

 
A exposição 'Frankierte Fantastereien' [Fantasias carimbadas - tradução livre], está em cartaz no Museu Folkwang, que transmite a idéia de que ao longo dos tempo os cartões postais não serviram apenas como meio de comunicação, mas também como forma de expressão artística. A mostra inclui mais de 500 cartões, em sua maioria do século passado. Alguns deles foram criados por artistas famosos como Salvador Dalí, Joan Miró e Marcel Duchamp.
Veja fotos da mostra
Segundo os organizadores, a época de ouro dos postais começou a partir do ano 1900, paralelamente ao desenvolvimento das técnicas de fotografia. Vários dos postais exibidos em Essen trazem colagens e montagens fotográficas do começo do século 20 que causaram furor na época. Muitos deles retratam cenas eróticas, enquanto outros estampam colagens divertidas.

“A ousadia dos postais chegou a influenciar a própria fotografia”, diz a curadoria da exposição. Fotógrafos conhecidos como Man Ray e André Breton colecionavam cartões, e suas obras também foram estampadas em postais. Nos dias de hoje, com a comunicação rápida via email e celular, os postais parecem objetos do passado. [Francisco Martins - adaptado de http://www.bbcbrasil.com.br/
 

A mostra Frankierte Fantastereien fica em cartaz no Museu Folkwang, em Essen, até o dia 21 de setembro de 2008.

 

Forever 27

 
Curiosa exposição apresenta roqueiros mortos aos 27 anos.

A mostra de fotografias em Londres, Inglaterra, lavara para as novas gerações de candidatos ao estrelato do rock mundial, alguns dos roqueiros que viveram de modo extravagante e morreram, provavelmente, antes do combinado. A exposição Forever 27 [Para Sempre 27] dá ênfase a cinco dos mais famosos artistas mortos aos 27 anos como por exemplo; Jimi Hendrix, Jim Morrison, Janis Joplin, Brian Jones e Kurt Cobain [Foto: © Nirvana, por Steve Double ] e outros 30 que tiveram o mesmo destino.
Clique aqui para ver as fotos por BBC Brasil.
A exposição e organizada pela Proud Galleries, e segundo elesl, buscam apresentar trabalhos fotográficos de alta qualidade a um público em geral, ao montar exposições com temas populares como música, cinema, moda e esporte. Além de roqueiros famosos, se pode ver fotos feitas por profissionais que fizeram fama na década de 1960, como Steve Double, Phil Townsend, Jill Gibson. [Frank London]
 
 
Onde?
Galeria Proud Camden - Londres
Até 21 de agosto a 9 de novembro de 2008.
Entrada é gratuita.
 

 

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 15:49  comentar

Parque Dom Pedro II,agora vai ?

Gilberto Kassab assinou convênio com a Fundação Catavento para recuperação do Parque Dom Pedro II, que já assumiu a zeladoria do Palácio das Indústrias. Mas, como o prefeito realizou pouco menos das promessas de campanha é esperar para crer.
 


Muitas já foram as promessas de recuperação do Parque Dom Pedro II. Após 20 anos, a prefeitura assina convenio com uma fundação cuja proposta é de cuidar da segurança e do jardins. Será que agora sai do papel ! A Fundação Catavento já tem a posse do antigo Palácio das Industrias onde deverá funcionar um espaço lúdico e cultural, previsto para começar a funcionar em março. O convênio prevê a reforma não somente dos jardins mas também da estação de Metrô Dom Pedro II. A prefeitura aguarda a saída das últimas seis famílias residentes no Edifício Mercúrio, geminado com o já desocupado São Vito, para poder dar continuidade à recuperação da região. Os dois prédios e o Viaduto Diário Popular deverão ser implodidos ainda este ano. Com as reformas a área que mede 70 mil metros quadrados, subirá para 200 mil metros quadrados.


Promessas


O Parque Dom Pedro II recebe promessas de reforma desde a gestão Erundina, 1989/92. Como tentativa de recuperar o região ela levou a sede do município para o Palácio das Industrias de onde governou seu último mês. Porém, Paulo Maluf, Celso Pitta e Marta Suplicy disseram não ao 'velho mal amado da cidade', o Palácio das Industrias. Foi a Marta quem retirou a prefeitura de lá em 2004 para instala-la no Viaduto do Chá [centro da cidade de São Paulo] prédio da família de seu ex-esposo Eduardo Matarazzo. Mas, como o atual prefeito, no segundo mandato, realizou apenas 58% das promessas de campanha na gestão anterior, agora é aguardar para crer.


História


O Parque Dom Pedro II é uma das áreas verdes da cidade na região central que ainda se encontra em total abandono. O parque ocupa uma área pertencente à antiga Várzea do Carmo, na Baixada do Glicério, local com frequentes alagamentos pelas enchentes do Rio Tamanduatei. Na metade do século XIX foi feita retificação no curso do rio e construído praças, jardins quando o monarca ainda era vivo.
Em 1870, toda aquela região foi transformada em depósito de lixo , e cinco anos depois seria recuperado por motivos da saúde sanitária. Então, no Rio Tamanduatei foi feita a Ilha dos Amores, que durou até 1910, cedendo espaço para a canalização do rio. Já o nome atual, data de 1921. [Um flagrante do fotógrafo Maurício Cardim, galinha comendo no Parque Dom Pedro. Mais sobre o trablho do fotógrafo EDITORIAS:
mauricio cardim]

 

 

Kassab volta a ser feliz ao lado de Garcia

 

Mais feliz do que pinto no lixo ao reconquistar o ex-parceiro Rodrigo Garcia. Agora ele não xingará mais ninguém.
 


Mais do que parceiro Rodrigo Garcia faz muito bem ao prefeito da Cidade de São Paulo Gilberto Kassab. Amigos desde 1997, quando trabalharam na Secretaria de Planejamento, na gestão de Celso Pitta, até 2000. Rodrigo foi o causador de vários destemperos e irritações do prefeito. Desde 2005 que Garcia não visitava o ex-amigo Kassab. Como recompensa pela volta vai ganhar uma pasta especial no primeiro escalão, a secretaria de Modernização, Gestão e Desburocratização. Garcia terá uma verba de R $ 614 milhões. A nomeação de Rodrigo Garcia, deputado estadual pelo DEM, tirou o cargo que era de Malde Villas Boas, terá de se contentar agora como coordenadoria do Governo Eletrônico, algo que só funciona na mente dos funcionários e para cobranças do governo. Reclamações, fale conosco é nulo.


Muitos atribuem o afastamento de Garcia ao apoio dado em 2005 para o PT [Partido dos Trabalhadores] e ganhou o cargo de presidente da Assembleia Legislativa, ao derrotar o candidato do então governador Geraldo Alckmin, Edson Aparecido, do PSDB.


O coração tem caminhos que a política não conhece, no início do ano de 2008, o prefeito lançou mais uma cartada para Rodrigo Garcia, reconquistando-o. Algo além da política. Parceria.

 

Supremo Tribunal Federal diz não para parentes de terceiro grau de senador e de deputado federal. Mas o troco vem a caminho.


O Supremo Tribunal Federal decidiu que a partir de sexta-feira,22, o parlamentar praticante do nepotismo, que emprega parentes de até terceiro grau, terá de demiti-lo. A medida mexeu com os parlamentares que já se movimentam para burlar a medida do STF. O presidente do senado, Garibaldi Alves [foto], confessou ter apenas um sobrinho sob sua tutela, mas cuidará de sua saída. É um duro golpe no bolso dos parlamentares que teem nos parentes mais uma fonte de renda. Cada parente empregado gera para o parlamentar receita financeira e mantém currais eleitorais. Funciona assim; vereadores, deputados e senadores pagam x para um parente, mas este tem que deixar y de comissão para o parlamentar. Do salário restante, o parente ofertará uma porcentagem para uma outra pessoa indicada pelo parlamentar, como cabo eleitora etc. Claro que existe exceção tanto entre os parlamentares quantos parentes competentes. Mas via de regra, a incompetência impera. O que funciona é mesmo o cabide de emprego.


Cotas


Alguns deputados federais não perderam tempo e acharam no sistema de cotas criada para estudantes da raça negra ingressarem na faculdade, e agora é a inspiração máxima para o parlamento burlar o nepotismo. Porém, as alternativas não findam por aí não. Vem chumbo grosso por parte dos senadores e dos parlamentares. Uma medida escandalosa vem sendo negociada entre empresários da iniciativa privada e os organismos públicos envolvidos. O troca-troca está sendo chamado de 'intercâmbio', e tem no bojo de sua proposta algo nefasto. Os parlamentares não assumem a paternidade do contra-ataque, mas que ventila pelos corredores do parlamento desde a tarde de quinta-feira,21, ventila sim.


Prostituição


Para cada político que assume uma cadeira, seja na vereança, estado, federal ou senado, ambos teem por trás uma empresa patrocinadora. E serão estas as parceiras que os parlamentares foram buscar em contrapartida à decisão do STF. Os parentes demitidos pelos senadores e deputados federais serão 'absorvidos', recolocados nas empresas privadas atendendo solicitação dos nobres políticos. Por sua vez, as empresas privadas indicarão pessoas ou funcionários de sua confiança que passarão a trabalhar com os parlamentares. Ou seja, uma prostituição velada, mas na verdade já existe, apenas será mais utilizada.


Vale ressaltar que o nepotismo existe no País há séculos. No primeiro documento oficial do país, a carta de Pero Vaz de Caminha, já constava uma solicitação de emprego ao rei para um seu parente. Influentes politicos da época tracavam favores e empregavam suas amantes na maquina pública. [Foto:
http://www.blogdodiogenes.com.br/ ]

 

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 15:47  comentar

Agosto 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
14
15
16

17
18
19
21
23

24
25
26
28

31


NOTÍCIAS RECENTES
EDITORIAS
ARQUIVO
MAIS ACESSADAS
SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds