Revelando, imortalizando histórias e talentos
9.7.09

Ética na vida pública e defesa da democracia pontuaram a trajetória do jurista Goffredo da Silva Telles Junior.

Homem público deputado federal 1946-1950, professor na Faculdade de Direito do Largo de São Francisco da {USP}, por quase 45 anos e era chamado de “professor-símbolo” da entidade. Foi lá onde protagonizou várias ações pela democracia no Brasil. Sendo que a mais aconteceu durante a ditadura militar, ao ler, sob nas arcadas da faculdade, a Carta aos Brasileiros”, em agosto de 1977. Soldado da Revolução Constitucionalista em 1932 e participou da elaboração das duas Constituições brasileiras.

 

 

Advogava desde 1937, em 1957, foi nomeado secretário municipal de Educação de São Paulo. Ainda atuou como presidente da Associação Brasileira de Juristas Democratas e ajudou a fundar a Academia Paulista de Direito. Sempre defendeu a participação popular no processo de elaboração das leis. Em nome do Chamado "Plenário Pró-Participação Popular na Constituinte" , em 1988, endereçou ao governo de José Sarney mais uma Carta aos Brasileiros, em nome das entidades reunidas no “Plenário Pró-Participação Popular na Constituinte”. Invocava a necessidade de uma Assembleia nacional livre, autônoma e soberana, distinta do Congresso e afastada “das engrenagens do governo”. Tratava-se de uma crítica e de uma admoestação à Constituinte de meio período, nem carne nem peixe, que acabaria por editar a Constituição atual.

Alguns livros:
Iniciação na Ciência do Direito, A Folha Dobrada – Lembranças de um Estudante, Ética – Do mundo da célula ao mundo dos valores, Tratado da Conseqüência – Curso de lógica Formal e Palavras do Amigo aos Estudantes de Direito entre outros.

Goffredo da Silva Telles Júnior foi casado com a escritora Lígia Fagundes Telles com quem teve Goffredo Neto, já falecido, e depois casou-se com a advogada Maria Eugênia Raposo da Silva Telles, uma grande colaboradora em várias obras suas. Tiveram uma filha, Olívia, doutora em Direito pela Universidade Paris I. Goffredo da Silva Telles Júnior nasceu no centro da capital paulista, aos 15 de maio de 1916, e faleceu em 27 de junho de 2009, aos 94 anos.

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 02:11  comentar

Julho 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9

12
14
15
18

20
21
22
24

26
27
30
31


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds