Revelando, imortalizando histórias e talentos
13.9.09
Francisco Martins faz entrevista exclusiva com Maurício Cardim, um dos mais atuantes e badalados fotógrafos do País, para Formas&Meios.
 
 
25 anos de carreira e alguns rótulos como 'fotógrafo das celebridades' “Militão Azevedo da nova geração” entre outros. Enquanto isso, ele segue a carreira em busca de imagens, tanto inusitadas quanto tradicionais como edifícios, barroco mineiro chegando até aquela bucólica vila onde poucos costumam chegar. O fotógrafo-expositor realiza algo próximo de cinco mostras ao ano, todas teem grande repercussão na media impressa, eletrônica e televisiva. São mais de cem mostras entre o Brasil e exterior, e o público, continua a visitá-las como se fosse a primeira desse Cèzanne da fotografia. Isso mostra que ele vem exercitando-se, reciclando-se na profissão para que gere tanto interesse do público. {Cardim, à frente de uma de suas fotos mais conhecidas Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos }



F&M - Você nasceu no Sul da Bahia, em Ipiaú. Lá, você já se interessava por fotografia?

Maurício Cardim - Sim, porém gostava de ser fotografado, queria ser modelo fotográfico, era meu sonho. Não deu certo e realizei-me como Fotógrafo, continuo gostando de ser fotografado também. Até início dos anos 1980 não pensava ser Fotógrafo, os colegas de trabalho me incentivaram e eu deixei a profissão de Auxiliar de Escritório pela arte fotográfica o que foi ótimo e lembro-me com carinho dos 11 anos que trabalhei naquela empresa metalúrgica (Wolff , em São Paulo).

F&M - Durante anos você trabalhou como comerciário, bancário e metalúrgico. O que o fez deixar esses trabalhos, digamos seguros, e optar pela fotografia?

Maurício Cardim - Amor e tesão.


F&M - Você se lembra qual foto e veículo que publicou a primeira foto feita por você e o que sentiu ao vê-la publicada?


Maurício Cardim -Sim, duas fotos ilustrando uma matéria de minha segunda mostra fotográfica ( a primeira foi “Primavera”), fotos essas da Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos e Solar, que em seguida foi lançada como cartão-postal através de uma editora paulista e a outra foi do Solar da Marquesa de Santos, no Jornal Enfoque, no bairro de Santana (São Paulo). Senti muita emoção e li diversas vezes a matéria e apreciando as fotos publicadas, foi um grande passo na minha carreira. Já fez 10 anos.



F&M - Sua carreira fotográfica começou nos anos 80 com celebridades da música brasileira nos bastidores de TV e depois seguiram-se várias capas de discos. Poderia citar algumas celebridades e discos?



Maurício Cardim - Tive o prazer de fotografar celebridades da música, cinema e teatro e conquistei à amizade de muitos deles que continua até hoje. Muitos da Jovem Guarda, tal como Joelma, Deny (Cardim com componente da dupla Deny & Dino), fiz capas de discos deles e dezenas de shows. Os 20 anos de carreira de Gilberto Gil com presenças de Maria Bethânia, Gal Costa, Caetano Veloso e Roberto Carlos, estou sempre fotografando artistas principalmente aqueles que gosto muito. [Foto por Alan Wehner}



F&M - Enquanto muitos acreditavam na fotografia apenas como uma coadjuvante de matérias jornalísticas ou documentar casamentos você a encarava como arte, é isso mesmo?
Maurício Cardim - Sim, fazer uma foto bonita, diferente, inusitada é uma arte, claro!

F&M - Poucos locais no Brasil realizavam exposições fotográficas até os anos 2000. Você foi um dos pioneiros nesse segmento. Era sua intenção desde o começo de carreira expor seu trabalho?

Maurício Cardim- Não. Sempre gostei de apreciar as exposições, ia ver todas que tinha oportunidade. Demorei mais de 10 anos pra fazer a primeira mostra, daí pra frente não parei mais, uma atrás da outra e com mais de 10 temas e até hoje continuo expondo meus trabalhos, nos últimos 5 anos mais de 30 só em Minas Gerais. São Paulo em breve farei outras, principalmente com um dos meus temas preferidos “São Paulo”. {Maurício Cardim e cantora Josi Lopes prestigiando exposição "Dias das Mães"
Foto por Fernando Padrão}

F&M -
É verdade que você chegou a ter cinco exposições em cartaz ao mesmo tempo na maior cidade do País, São Paulo. Quais e quando foi ?

Maurício Cardim - Não, tenho documentado através de matérias publicadas em jornais, tema principal a cidade de São Paulo e outros como Natureza. Foram três exposições simultâneamente:

Senac, (Itaquera), EMTU Praça da Republica) e SESI (Av.Paulista).



F&M - Todo seu trabalho inicial foi desenvolvido a partir da capital paulista. Em 2004, nas comemorações dos 450 anos da Cidade de São Paulo, o conjunto de sua obra e serviços prestados à Cidade lhe rendeu merecida Honra ao Mérito pela Câmara de Vereadores. Qual importância desse título para você?



Maurício Cardim - o título que recebi da Câmera dos Vereadores de São Paulo foi nessa data é de muita importância para mim e posteriormente fui reconhecidos também por 3 Lagoas (MS.) e Sete Lagoas (MG.). Tudo isso é uma conquista e incentivo para seguir em frente com minha arte e trabalho.

F&M - Quais fotógrafos, brasileiros ou estrangeiros, você admira ou se inspira?


Maurício Cardim - Admiro diversos e que conheço bem seus trabalhos maravilhosos e que não são reconhecidos como merecem, dentre eles posso citar, Alan Wehner, Esdras Nobre, Nalva Maria, Ramon Rodrigues e Roberlandes Coelho. Em Sete Lagoas também tem excelentes profissionais e alguns deles meus amigos, os meus amigos sabem quem estão no meu coração, prefiro não citar os nomes. Sinceramente não me inspirei nem me inspiro em ninguém, dou graças a Deus pela visão, meu olhar aguçado, viajante e atencioso, é uma coisa vinda de Deus, da natureza e do Universo com certeza.



F&M -
Uma diretora de museu escreveu e assinou " Cardim é o novo Militão Azevedo, um Militão moderno", você gosta do trabalho de Militão Azevedo?


Maurício Cardim - Tai, outro grande profissional que foi, não citei entre os preferidos pois só falei dos vivos, se bedm que ele continua eterno pelas grandes obras deixadas e que ficarão para sempre.

F&M - Por falarmos em Brasil, a 'cruzada fotográfica' onde você retrata as principais cidades e pontos turísticos do País, continua? Quais as dificuldades encontradas?

Maurício Cardim - Continua e vai continuar, essa é minha proposta. Já fotografei umas 500 cidades em 16 Estados brasileiros, é gratificante mas quero fotografar o restante dos Estados e suas capitais e cidades desde Ipiaú, mimha cidade lána Bahia até o Amazonas.
As dificuldades? Só uma, a falta de grana.


F&M - Mais de cem exposições, entre as quais no exterior, mais de mil imagens transformadas em cartões postais. A fotografia continua a fascinar Maurício Cardim?


Maurício Cardim - Cada dia mais fascinado pela fotografia. É um amor, romance, caso, tesão e tudo mais...


F&M - Existe um tema preferido do fotógrafo Maurício Cardim ?


Maurício Cardim - Muitos temas. Cidades, igrejas, praias, nascer e por do sol, céu, flores, folhas, insetos, animais e artistas que curto.



F&M - documentos de organizações sérias onde você expôs indicam alto número de visitação em suas mostras em São Paulo. Em Minas Gerais, continuam a levar público ao ponto de precisar prorrogá-las. Como você explica isso ?



Maurício Cardim - Respeito e admiração pelo meu trabalho que faço com muito amor e um pouco de minha alma em cada um deles, acredito que é esse o sucesso e a benção de Deus.

F&M - A falta de patrocínio ainda é uma das dificuldades encontradas para levar seu trabalho para outros públicos ?



Maurício Cardim - Sim. Exponho com poucos recursos oferecidos, é uma pena senão eu mostraria muito e muito mais. Mas não desisto, seguirei sempre em frente com meus ideais e sempre renovados e acreditando muito. REPORTAGEM publicada na versão impressa, edição 296, ano6, de Correio de Três Lagoas, MS. Propriedade de Luiz Corrêia, Luizinho. correio3lagoas@terra.com.br
 

 

 

Leia mais sobre Maurício Cardim neste site Editoria Maurício Cardim.

http://www.formasemeios.info/

 

Conheça mais seu trabalho em:
Mais informações e fotos


http://www.fotografo-expositor.brasilflog.com.br/
http://www.musiramafm.com/

 

 

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 03:39  comentar

Setembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
16
18
19

20
21
22
23
24
25

27
28
29
30


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds