Revelando, imortalizando histórias e talentos
16.2.11


Grandes shows vão marcar a programação das 21 horas na Cidade Jazz & Blues, novo espaço que será montado para receber o Festival Jazz & Blues em Guaramiranga, de 05 a 08 de março (Carnaval). Quem quiser garantir um lugar na plateia, já pode se adiantar. Os ingressos estão à venda.

GUARAMIRANGA - CEARÁ, BRASIL - No palco, nomes conceituados da música instrumental, do jazz e do blues, nacionais e internacionais, em shows que prometem encantar o público cativo que lota a cidade serrana nos dias de Festival. São eles: Arismar do Espírito Santo, Joyce Moreno, Claudio Dauelsberg Trio, Rick Estrin (EUA), Zé Menezes, Moreira Chonguica (Moçambique), Nicolas Krassik (francês residente no RJ) e Carmen Souza ( DESTAQUE portuguesa de origem cabo-verdiana). Cada ingresso dá direito a conferir os dois shows da sessão das 21h.

Também já podem ser adquiridos os ingressos para os shows do Festival que acontecem em Fortaleza depois do Carnaval, de 10 a 12. As apresentações serão no Teatro do Shopping Via Sul, às 21 horas. Na capital cearense se apresentam, respectivamente, Carmen Souza, Moreira Chonguica e Rick Estrin.

Os ingressos para os shows que acontecem durante o Carnaval na Cidade Jazz & Blues às 21 horas estão à venda nas lojas Handara em Fortaleza e Guaramiranga. Para as apresentações de Fortaleza, os ingressos são vendidos na bilheteria do Teatro do Shopping Via Sul. Há também venda online. Confira em www.jazzeblues.com.br, na área Loja Oficial.

Show de Lançamento do Festival Jazz & Blues (foto cidade Jazz&Blues)

Os “mestres da música amazônica”, Aldo Sena e Mestre Vieira fazem a festa de lançamento do 12º Festival Jazz & Blues, dia 26 no BNB Clube. A programação também faz parte do Programa BNB de Cultura. No repertório, um apanhado dos maiores sucessos da carreira dos dois, além das músicas de seus novos discos. Os ingressos estão à venda na bilheteria do BNB Clube.
O Festival em Guaramiranga

Durante o Carnaval, além da sessão das 21h, a programação do Festival terá ensaios abertos às 16h, shows gratuitos às 17h e Jam Sessions de meia-noite até às 3h da manhã. Em outros espaços, Cine Clube, Café no Tom, Cortejos, Oficinas e Jazz na Hora Incerta. Além de Guaramiranga e Fortaleza, também haverá show em Sobral, aberto ao público, dia 11 no Teatro São João. A programação completa está disponível no www.jazzeblues.com.br.

O Festival Jazz & Blues 2011 tem patrocínio da Cagece/Governo do Estado do Ceará, Votorantim Cimentos, Indaiá, BNDES, Banco do Nordeste e Coelce. Apoio Cultural: Assembléia Legislativa do Ceará, Prefeitura Municipal de Guaramiranga, Governo Federal por meio do Ministério da Cultura (Lei de Incentivo à Cultura). Promoção: Diário do Nordeste. Realização: Via de Comunicação e Cultura.
Programação de shows com venda de ingressos:

Dia 05 - Dois nomes nacionais consagrados, de carreira consolidada dentro e fora do país, sobem ao palco na primeira noite do Jazz & Blues. São eles, o multi-instrumentista, arranjador e compositor paulista Arismar do Espírito Santo e a cantora, compositora e violonista carioca Joyce Moreno.

Arismar do Espírito Santo apresenta o show Batuqueiro, com elementos que se tornaram marca registrada de sua carreira: tocar, compor e improvisar, livre de rótulos, mas com o compromisso e o orgulho de ser um músico brasileiro. Neste trabalho a bateria de Arismar traz a linguagem do piano, do contrabaixo, do violão e da guitarra, na execução de arranjos elaborados especialmente para a formação que conta com a participação de Michel Leme (guitarra) e Thiago Espírito Santo (contrabaixo). O repertório será composto de samba, frevo, ciranda, maracatu, canção, choro e baião, e formará um caleidoscópio colorido de ritmos brasileiros.

Músicas do CD Samba-Jazz & outras bossas, lançado em 2007 pela inglesa Far Out e recentemente no Brasil pela Biscoito Fino, é a base do show que Joyce e Tutty Moreno levam ao Festival Jazz & Blues. Neste trabalho, comemoram 30 anos de parceria afetiva e musical, com um tributo à música que embalou a adolescência de ambos nos anos 60: o samba-jazz.

Dia 06 – No domingo, o público vai conferir às 21h a música instrumental de Claudio Dauelsberg Trio e o blues do gaitista americano Rick Estrin.

O trio formado pelo pianista, compositor, arranjador e produtor Claudio Dauelsberg, o percussionista Caíto Marcondes e o baixista Adriano Giffoni abre a sessão das 21h com um repertório de composições próprias e improvisações do pianista, além de peças de Charlie Parker, Chick Corea, Tom Jobim, João Bosco, Pixinguinha e Villa-Lobos que estão nos CDs Paisagens Brasileiras (gravado no Montreaux Jazz Festival), Além das Imagens (indicado ao prêmio Sharp) e no Ventos do Norte (gravado na Noruega). Trata-se de um espetáculo eletrizante e de alto refinamento musical.

O gaitista Rick Estrin é considerado um dos grandes bluesmen de sua geração. É a quarta vez que vem ao Brasil e se apresenta em Guaramiranga acompanhado pelo fenomenal Kid Andersen na guitarra, um verdadeiro show a parte, Lorenzo Farrell no baixo e J. Hansen na bateria. Com dez álbuns lançados pela maior gravadora do gênero nos Estados Unidos, a Alligator Records, a banda “Rick Estrin and The Nightcats” está entre as mais ativas e reconhecidas bandas de blues em todo mundo.

Dia 07 – Com seu virtuosismo instrumental que o consagrou como gênio no meio musical e sua obra como uma antologia da MPB, o cearense radicado no Rio de Janeiro, Zé Menezes, abre a programação das 21h na segunda-feira do Festival Jazz & Blues em Guaramiranga. Em seguida, o palco é do jazz africano contemporâneo de Moreira Chonguica.

Multi-instrumentista, compositor, arranjador e maestro Zé Menezes é uma referência. Aos 90 anos idade e 80 de carreira está em plena atividade profissional. No Festival apresenta um repertório com suas composições e arranjos, selecionado dos 3 CDs da série Zé Menezes – Autoral. No show, Zé Menezes (violão, bandolim e violão tenor) será acompanhado pelos renomados músicos Marcelo Caldi (piano e acordeon) e Daniela Spielmann (Sax e Flauta).

O saxofonista Moreira Chonguica é um jazzista com formação em Etnomusicologia. Como pesquisador prolífico fascinado pela música tradicional de várias partes do mundo, tem um trabalho reconhecido e premiado, marcado pela fusão de suas raízes africanas com o jazz mundial. No Festival Jazz & Blues será acompanhado por Di Stéffano (bateria e direção musical), Josias Pedrosa (baixo elétrico), Thiago Almeida (teclados) e Igor Caracas (percussão).

Dia 08 – Fechando a programação das 21h na serra, na terça-feira o palco da Cidade Jazz & Blues é do violinista Nicolas Krassik, francês radicado no Rio de Janeiro, e da cantora e compositora Carmen Souza, portuguesa filha de cabo-verdianos.

Aos 41 anos e formado em música erudita, Nicolas Krassik descobriu a música brasileira em eventos realizados em Paris. Chegando ao Rio de Janeiro em setembro de 2001, teve imediato contato com o samba, o choro e o forró no bairro da Lapa, tocando com grandes artistas brasileiros. Depois dos CDs Na Lapa e Caçuá, mistura de choro, samba e baião, e Nicolas Krassik e Cordestinos, de música nordestina, Nicolas está lançando o quarto CD, chamado Odilê, odilá, dedicado à obra do João Bosco.

Uma das cantoras/compositoras mais importantes da nova geração, Carmen Souza, nascida em Portugal, é considerada uma verdadeira embaixatriz da cultura cabo-verdiana, dando a seus ritmos tradicionais, como o Funaná, Morna, Batuke, Mazurka e outros, uma abordagem única, com toques de jazz contemporâneo, soul e afro-latin. No Festival, apresenta repertório de seu novo disco Protegid, lançado em 2010, que já circulou mais de 10 países, na Europa, África, America e Ásia.

SERVIÇO

Festival Jazz & Blues 2011 – Guaramiranga, Fortaleza e Sobral – De 05 a 08 de março (carnaval) em Guaramiranga, de 10 a 12 em Fortaleza e dia 11 em Sobral/CE. Info: www.jazzeblues.com.br e 85-3262.7230.
INGRESSOS

FORTALEZA – 26.02 - Show de lançamento
Venda a partir do dia 16/02 a 24/02: R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia e sócio)
Venda nos dias 25 e 26/02: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia e sócio)
À venda no Local: Av. Santos Dumont, 3646 – Aldeota. Tel: 85-4006.7200

GUARAMIRANGA – De 05 a 08.03 - Programação das 21h
Local: Cidade Jazz & Blues
R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia). À venda nas lojas Handara em Fortaleza (Iguatemi, North Shopping, Av. Monsenhor Tabosa, 697 e Av Desembargador Moreira, 2940) e Guaramiranga (Centro). Venda online: www.bilheteriavirtual.com.br e www.jazzeblues.com.br (em Loja Oficial).
Outras atividades e shows: acesso gratuito

SOBRAL – 11.03
Local: Teatro São João
Acesso gratuito. Distribuição de senhas pela Prefeitura.

FORTALEZA – 10 a 12.03
Local: Teatro do Shopping Via Sul
R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia). Estarão à venda na bilheteria do teatro.
.


INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA

DÉGAGÉ
Informações: Sônia Lage (85-9989.5876)
e Fábio Marques (85-8832.4716)
Dégagé: 85-3252.5401 e 8699.1783 /
Twitter: @degage_imprensa / @jazzebluesce
Jorn.Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira
EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 22:06  comentar

Cena "tootsie"

 

Charles Durning

Versátil e adepto da comédia, Charles Durning,88 anos, nasceu em Highland Falls, 28 de fevereiro de 1923, USA. Premiado ator norte-americano com Globo de Ouro, 1990. Em 2009 foi eternizado na Calçada da Fama. Abaixo, saudado pelas colegas atrizes Charlotte Rae (82) e Doris Roberts (77).




Ele é o segundo de cinco filho James G. (1915-2000), Cliford John (1916-1994), Frances (1919-...) e Gerald J. Durning (1926). Foi boxeador, instrutor de dança, nos anos 1960 atuou em shows na TV, trabalho em "Golpe de Mestre" em 1973, e em 1974 com Billy Wilder em "A Primeira Página", Breakheart Pass, em 1975, ao lado de Charles Bronson, Muppets - O Filme (1979), interpretou um técnico de futebol em North Dallas Forty (1979), foi oficial de polícia que perseguia Burt Reynolds in Sharky's Machine, 1981, apareceu na popular série de TV como o "Dr. Harlan Elldridge "Evening Shade" (1990).

Este é um dos grandes atores da dramaturgia norte-americana. O conheci em 1989, em Nova Iorque. Anos depois, 1995, o reencontrei em Beverly Hills, Los Angeles - Califórnia.

 







Também para TV atuou como convidado especial para série Everybody Loves Raymond" 1996, e "Monk" (2002) and "Rescue Me" (2004), ambos para telona. Tem mais de 200 filmes ganhou merecida estrela na Calçada da Fama. Charles, apareceu em três longas em 2009. (Francisco Martins)
 

 

 

DEPOIMENTO

 

Em 1995, viajei para Nova Iorque e, após assitir algumas das melhores produções teatrais resolvi cruzar o país e fui parar Los Angeles. Chegando lá, em uma famosa sorveteria de Beverly Hills, conheci o maravilhoso ator Charles Durning, um gentleman. Após longo papo sobre artes em geral, tendo o cinema como primasia, falei de minha vontade de ficar por volta de três mêses em sua cidade. Então, para minha surpresa, recebi um convite para ficar na casa dele. Aceitei, e fiquei exatamente 2 mêses e 17 dias na confortável mansão de Charles. Dear friend Charles Durning, from Brazil, my kindest regards to you. Happy Burthday.





FILMOGRAFIA

A Roda da Fortuna (Joel Coen) 1994
Morte do Caixeiro Viajante (Volker Schlöndorff) 1985
Muppets - O Filme (James Frawley) 1979
Irmãs Diabólicas (Brian De Palma) 1973
Heróis Sem Amanhã (Ted Kotcheff) 1979

O Pecado de um Xerife (John Frankenheimer) 1970
O Último Brilho no Crepúsculo (Robert Aldrich) 1977
Encontros e Desencontros (Alan J. Pakula) 1979
Crise de Consciência (Glenn Jordan) 1984
O Trem do Inferno (Tom Gries) 1975
Confissões Verdadeiras (Ulu Grosbard) 1981
Sou ou Não Sou (Alan Johnson) 1983
O Dirigível Hindenburg (Robert Wise) 1975
Um Dia Especial (Michael Hoffman) 1996
Feriados em Família (Jodie Foster) 1995
Os Últimos Durões (Jeff Kanew) 1986
A Fúria (Brian De Palma) 1978
Hi Mom! (Brian De Palma) 1970
Deu a Louca nos Astros (David Mamet) 2000
Selva Viva (Christopher Cain) 1986
A Melhor Casa Suspeita do Texas (Colin Higgins) 1982
Teoria do Amor (Fred Schepisi) 1994
Um Roubo Quase Perfeito (John G. Avildsen) 1988
Cat Chaser - Perseguição Voraz (Abel Ferrara) 1988
O Magnata Grego (J. Lee Thompson) 1978
Um Grande Problema (John Cassavetes) 1986
Os Rapazes do Coro (Robert Aldrich) 1977
Dick Tracy (Warren Beatty) 1990
Embalos a Dois (John Herzfeld) 1983
Bonita e Perigosa (Jeff Kanew) 1983
A Bunch of Amateurs - 2009 (de Charles Rosenberg)
Shannon's Rainbow - 2009 (Floyd)

 

Biografia

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 20:00  ver comentários (3) comentar

domingo, 27 de fevereiro de 2011 Morre Moacyr Scliar

 

 

Escritor Moacyr Scliar vencedor do Prêmio Jabuti por três vezes, morre aos 73 anos em Porto Alegre



O escritor Moacyr Scliar, 73 anos, morreu na madrugada deste domingo, 27, no Hospital de Clínicas de Porto Alegre. O escritor gaúcho, sofreu um Acidente Vascular Cerebral( AVC) em 16 de janeiro uando se recuperava de uma cirugia do intestino, veio a morrer de falência múltipla de órgãos. O autor deve ser velado ainda neste domingo na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, a partir das 14h. O sepultamento será na segunda-feira, 28, em cerimônia reservada a familiares e amigos.


TRAJETÓRIA

Moacyr Jaime Scliar nasceu em Porto Alegre, em 23 de março de 1937, formou-se em medicina, com especialização na saúde pública e também foi professor universitário. Como escritor, publicou mais de setenta livros e no ano de 2003 foi eleito para a Academia Brasileira de Letras.

"Histórias de médico em formação", foi seu primeiro livro publicado em 1962,eram contos baseados em sua experiência como estudante. No ano de 1968, veio "O carnaval dos animais", também de contos, que ele mesmo considerou de fato sua primeira obra.

Publicou mais de 70 livros, com merecido destaque para os romances “O Exército de um homem só”, “A estranha nação de Rafael Mendes” e “O centauro no jardim” e teve textos adaptados para cinema, televisão, rádio e teatro, inclusive no exterior.

Ganhador do Prêmio Jabuti: 1988, 1993 e 2009, o Associação Paulista de Críticos de Arte em 1989 e o Casa de las Americas em 1989.
 
 
 


Capão Redondo inova e faz Mostra de Dança Contemporânea



A Cia. Sansacroma, sediada no Capão Redondo, em São Paulo, abriu inscrições para o Circuito Vozes do Corpo – II Mostra de Dança Contemporânea do Ninho Sansacroma, que foram prorrogadas até dia 18 de fevereiro de 2011. As apresentações serão entre os dias 05 e 29 de maio de 2011. Os cachês pagos para os grupos selecionados vão variar de 800 a 2.350 reais.

Quando se fala em Capão Redondo, localizado no extremo sul da cidade de São Paulo, logo vem à mente o hip-hop, o grafite, o rap, afinal o bairro é culturalmente rico em manifestações culturais, vide o Sarau do Binho, a Cooperifa, o escritor Ferrez, os Racionais MC’s, e tantos outros ícones artísticos da região. Mas dança contemporânea começa agora a ocupar seu espaço no extremo da zona sul.
E o faz em grande estilo. Instalada num prédio de três andares, a Cia Sansacroma, dirigida pela coreógrafa e bailarina Gal Martins, oferecerá aos grupos selecionados toda a infra – estrutura necessária para a realização da Mostra, que se dará de duas formas: grupos profissionais se apresentarão no palco ou em algum espaço urbano da região e os amadores no palco.

A Cia. Sansacroma, apesar de estar sediada na periferia da cidade, tem vida profissional desde 2002, época em que começou a montar seu repertório de nove espetáculos: Negro Por Brasil, Identifique-se, Orfeu Dilacerado, Solanidade, RG, Solano em Rascunhos, Angu de Pagu, Lembranças de Auschwitz e A Máquina de Fazer Falar.

A Mostra tem o apoio do Programa de Ação Cultura da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo e está aberta para companhias de dança que desenvolvam trabalho voltado à pesquisa em dança contemporânea, que trabalhem com processos de investigação artística, pesquisa e criação coreográfica, com a dramaturgia na dança e se utilizem de parâmetros técnicos corporais próprios.

O Circuito Vozes do Corpo está dividido em 3 categorias: Mostra Regional (para grupos e coletivos amadores da região da zona sul), Mostra de Rua (para profissionais que tenham esse espaço urbano como parte da pesquisa) e Mostra Interna (para grupos e companhias profissionais que se apresentem em palco italiano), além de encontros temáticos de discussão e formação sobre produção da dança contemporânea, trazendo workshops gratuitos destinados a estudantes da área, Jam Sessions e debates. As propostas dos workshops também serão selecionadas pelo edital. (Figura 2 - palco da sede da Cia. Sansacroma
Figura 1 - Fachada da sede da Cia. Sansacroma)

Informações

As inscrições poderão ser realizadas por correio ou pessoalmente no Ninho Sansacroma até o dia 18 de fevereiro de 2011. O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 10h às 12h e das 14h às 18h. Todas as informações necessárias para as inscrições podem ser conferidas no blog da Cia. Sansacroma: http://ciasansacroma.wordpress.com.
Mostra Regional – Cachê: R$ 600,00 – Ajuda de custo R$ 200,00
Mostra de Rua – Cachê: R$ 2.000,00 – Ajuda de custo R$ 350,00
Mostra Interna – Cachê: R$ 2.000,00 – Ajuda de custo R$ 350,00
D) Workshops – Cachê: R$ 1.000,00

Ninho Sansacroma

II Mostra de Dança Contemporânea do Ninho Sansacroma - Circuito Vozes do Corpo
Rua Dr. Luis da Fonseca Galvão, 248 – Pq. Maria Helena – São Paulo/SP
CEP: 05855-300

Canal Aberto Assessoria de Imprensa
Fones: 011 2914 0770/ 3798 9510
Celular: 011 9126 0425
MSN: claramm@hotmail.com

SKYPE: canal.aberto
http://twitter.com/canalaberto
www.canalaberto.com.br
 
EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 20:00  comentar

Anna Maria Alberghetti nasceu em Pesaro, Itália, em 15 de maio de 1936, e começou como cantora de ópera.



Começou sua carreira na Broadway e ganhou o Prêmio Tony em 1962 como Melhor Atriz por Carnival! Criança prodigio, filha de um cantor de ópera, do Roma Ópera Companhia, e de uma mãe pianista, quando tinha seis anos de idade Anna Maria cantou em um concerto no Isle de Rhodes com uma orchestra de 100 partes. Apresentou-se em Carnegie Hall em Nova Iorque na idade de 13.

Suas aparições no cinema incluem os filmes 'O Meio' e 'Vem aqui o Groom' ambos de 1951, 'O Último Comando', 1955, 'Dez mil Bedrooms' 1957, e como a princesa Charmein com Jerry Lewis e Cinderella 1960.

Chegou a cantar no programa de variedades da CBS, no Ed Sullivan Show, mais de 50 vezes. Participou de vários excursões teatrais. Também fez trabalhos publicitários, comerciais de televisão, para a limpeza de salad 1970s. Foi casada com o produtor-diretor Claudio Guzman da televisão de 1964 a 1974.



Mais filmes

Ranking Filme Ano Nota
A Última Barricada (Frank Lloyd) 1955
Cinderelo Sem Sapato (Frank Tashlin) 1960
Dez Mil Alcovas (Richard Thorpe) 1957
West Side Strory (Amor, sublime amor)

 

"CARO NOME"
From the opera RIGOLETTO (1851)
Music by Giuseppe Verdi
Libretto by Francesco Maria Piave
Sung by Anna Maria Alberghetti to a piano accompaniment

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 20:00  comentar

Fevereiro 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
17
18

20
22
25

27
28


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds