Revelando, imortalizando histórias e talentos
10.3.12

Morre Edson Komiya: autor do nome AgênciaFM

 

 

 

 

 

 

 

 

O Brasil perdeu um dos seus melhores fotógrafos de sua geração, Edson Komiya, um estudioso da fotografia e computação gráfica. Esta é uma notícia que não gostaríamos de dar, mas seu falecimento foi ignorado pelas mídias. A missão une um sentimentos de honra e saudade, pois foi ele quem deu nome à Agência FM.

 

 

 

 

 

Mais conhecido por Ed Kom, tinha um olhar crítico e social aliados a ângulos extraordinários. O repórter fotográfico foi encontrado morto no apartamento onde morava, na Avenida Rui Barbosa, na Bela Vista, há aproximadamente no dia 15 de fevereiro. Segundo fontes ele teria sido morto pelo menos três dias antes de ser encontrado. Tentamos falar com  o cineasta Wilson Rodrigues, para quem Edson Komiya prestava serviço como web designer de www.filmandoparaomundo.com.br , mas não conseguimos. Entretanto, alguém de sua produção confirmou a morte do fotógrafo sem precisar data ou local onde fora enterrado.

 

 

 

Inspirado na fotografia de Fernando de Barros, Cartier-Bresson, Farkas, fotografava desde 1984, e por suas lentes passaram atletas como Cafú, Romário, Hugo Oyama (mesatenista Olímpico) entre outros. Na área musical Gilberto Gil, Supla, o exigente João Gilberto, Jorge Drexler entre outros. Prestou serviços para veículos nacionais e internacionais, tais como: jornal Diário Popular, Agência FM Noticiosa (São Paulo, Brasil), Agência Kyodo News, Revista World Soccer (Japão), Graphic e Agência Futpress.

 

 

 

 

 

Depoimento Francisco Martins

 

 

 

Durante alguns anos minha convivência com Ed Kom, nos anos 2000, foi diária. Muitos cafés regado a papos sobre fotógrafos e sua arte, futebol, as manias de artistas famosos entre outras. Na verdade, já éramos conhecidos dos anos 80 quando eu participava dos saraus e peças teatrais do extinto Grupo Ponkã, do saudoso Celso Saiki, para quem eu, Francisco Martins, realizava divulgação e assessoria das suas principais peças. Ed Kom realizava alguns takes fotográficos como na peça " Pássaro do Poente" entre outras. Ed era sempre visto nas ruas de São Paulo, com sua mochila nas costas com equipamento fotográfico e uma novidade a tiracolo. Era um andarilho da fotografia.

 

 

 

Muito tempo depois o reencontro, quando a Formas&Meios tinha escritório juntamente com o Jornal Novas Técnicas, Largo do Paissandu, centro de São Paulo. Aliás, foi Edson Komiya o criador do nome de Agência FM. Ele achava que a empresa deveria levar as iniciais do amigo jornalista, quem ele divulgou muito nas revistas esportivas do Japão. Também foi com uma fotografia do bairro da Liberdade de autoria de Ed Kom, que Martins estreou no Boston Globe USA. " Lembro-me quando a Formas&Meios não tinha patrocínio, não arrecadava para comprar equipamentos, passava por um início delicado. Certo dia, ele entrou com uma caixa enorme e dentro um scanner zerinho da AGFA. "Chico, você precisa se libertar de Lan House, este é um presente para Agência FM Noticiosa", disse Ed Kom. A causa mortis não foi informada. (R.I.P.).

 

Exposições:

 

Imagens do Brasil (Galeria de Saitama/Japão)

Imagens que marcaram o ano de 2000 (MIS - Museus da Imagem e do Som), Impressões Imaginárias, 2004 (6-01 à 8 -02)

em comemoração aos 450 anos da Cidade de São Paulo, no Centro Cultural Banco do Brasil.

 

 

 

 

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 02:40  ver comentários (5) comentar

Março 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11

18

28
30
31


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds