Revelando, imortalizando histórias e talentos
10.4.12

A quadrilha que agia na zona sul continha 14 integrantes sendo a maioria PM',s. Enquanto realizam os assaltos, o COPOM (190) disponibilizava alguns atendentes para dar suporte às suas crias até que o assalto fosse consumado com segurança.

 

 

 

Pra início de conversa vamos combinar: bandido e polícia fundem-se. Ambos agem da mesma forma violenta e fria sendo impossível desassociar um do outro. Some-se a isso o bandido da comunicação brasileira, José Luiz Datena, que sempre sai em defesa de policiais assaltantes. Ele não tem coragem de chamá-los de bandido, marginal, calhorda vagabundo como faz com aqueles míseros indefesos quando são presos.

 

Uma quadrilha formada por policiais militares e policiais civis e mais porteiros dos condomínios de luxo que agiam na zona oeste e sul da capital paulistana foi flagrada na noite de domingo,8, no bairro do Cambuci, região central da cidade. Eles se utilizavam de falsa viatura da Polícia Civil do Estado de São Paulo, clonavam carros de moradores dos condomínios que pretendiam roubar, tinham fuzis R15 dentro da residencia da quadrilha além de outros aparatos.

 

O DEIC estudava a quadrilha havia dois meses

 

Os inteligentes do DEIC só não sabiam que a quadrilha usava um carro semelhante a uma viatura oficial. Municiados por 50 homens, partiram para averiguação sem saber quem estava lá dentro da casa. Não houve surpresa, encontraram policiais militares e outros integrantes do crime organizado. Na abordagem também estava um delegado que se evadiu do local com a cumplicidade dos policiais civis envolvidos na ação. A liberação do delegado teria sido uma troca entre as duas corporações, PM e Civil,  pela não divulgação dos nomes dos PM's envolvidos no assalto (soldados Siquerira e Ferreira), que foram levados para o espaço de férias da PM-SP, o Romão Gomes, na Avenida Tiradentes, bairro da Luz.

 

Delegado Nelson Guimarães, do DEIC, foi complacente quanto a participação dos militares no crime organizado. A operação para prender os supostos criminosos deveria ter sido feita sexta-feira,6, mas o delegado prevaricou, e preferiu esperar que a PM informasse os outros militares integrantes da quadrilha que haveria tal operação e que a mesma fora adiada para domingo,8, assim, dando margem para menos prisoões de PM's. O delegado prevaricou e bateu continência para a PM e trai os seus patrões, a população que paga seu salário: do papel higiênico à gravata que usa.

 

Tanto o delegado quando o bandido do microfone gritam: "o salário do policial é muito baixo, é uma miséria tem de se repensar isso", diz Datena. Pra isso duas sugestões: a maioria dos trabalhadores brasileiros, o ganho não ultrapassa dois salários mínimos, e nem por isso viram marginais. A outra sugestão é o apresentador ceder do prórpio salário, que é superior a hum milhão e meio de reais, doar aos coitadinhos da PM e da Polícia Civil parte do seu ordenado. Falar e fazer gentileza com o chapéu alheio é fácil.

 

Eles, policiais, ganham muito e não fazem nada, assaltar é apenas mais uma função acumulada de todos eles. Inocentar marginais do serviço público é uma característica do apresentador Datena, haja vista que ele depende de integrantes corruptos das polícias para manter seu programa 'Brasil Urgente' que vai ao ar de segunda a sexta-feira a partir das 17h30, na Band TV, canal 13 em São Paulo.

 

Já falamos em editoriais e nada foi alterado até o momento. "Políticos, as polícias e funcionários públicos em geral, todos estão na fila esperando o dia e hora em que serão flagrados. Ou seja, achar um honesto é mais difícil do que ver cabeça de bacalhau". Mesmo com toda verve do psicopata da comunicação, e sem compartilhar de muitos de seus pensamentos, defende-se até a morte o direito dele se expressar. (Francisco Martins - frammartins@r7.com ).

 

CONHEÇA o editorial do jornalista que supostamente gerou a reação da polícia militar hoje, 10/4, na mais recente manifestação dos professores municipais de São Paulo, na Praça do Patriarca, centro: http://agenciafm.blogspot.com.br/2012/04/professores-municipais-bandalheiros.html#links

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 23:40  comentar

 


Exposição comemora 15 anos da geminação entre Santo André e a Vila da Ribeira Brava, Ilha de São Nicolau, em Cabo Verde. A mostra acontecerá no Museu Octaviano Armando Gaiarsa, na rua Senador Flaquer, 470, centro da cidade.

A mostra entra en cartaz no dia 12 de abril e segue até dia 30/12/2012.
Visitação das 8h30 às 16h30.
Mais informações: 4438-9111
EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 23:11  comentar

Abril 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9

18
19
20

22
23
28

29
30


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds