Revelando, imortalizando histórias e talentos
11.2.13

Praça das Artes, São Paulo: prazo de construção ultrapassa tempo de gestção de cinco baleias

 

Foto: Fram Martins

 

SÃO PAULO (SP) BRASIL - Quando se tem veículos de comunicação conivente com o crime mentiras viram verdades. Exemplo é a suposta inauguração da Praça das Artes. O complexo teria sido entregue em dezembro de 2012, mentira compactuada com os principais jornais da cidade de São Paulo e os chamados grandes sites, são tão mentirosos quanto o então secretário de cultura do município Augusto Calil, um sujeito que não se escreve o que ele fala. A obra teria sido entregue, em sua primeira fase, com shows, apresentação de piano etc... pura cascata. Vale ressaltar que, todas as mentiras foram compactuadas pelos veículos de comunicação da cidade exemplo Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, site revista Exame entre outros.

 

 

A verdade é que até o momento, se tem o esqueleto de uma obra com orçamento de R$ 136 milhões, e já consumiu o triplo sem que nada, absolutamente nada funcione. Apenas os tapumes do lado do Vale do Anhangabaú foram retirados na quinta-feira, 7. A obra se encontra no mesmo estágio em que se encontrava na época de sua fraudulenta inauguração. Faça uma pesquisa na web e veja que as fotos publicadas nos sites em dezembro, não sofreram alteração nenhuma nestas fotos feitas em 3\1\13a não ser um entulho por exemplo. O secretário de cultura, juntamente com os mentiorosos veículos de comunicações que atestaram suposta inauguração precisam responder criminalmente por isso. É o dinheiro da população que está sendo usurpado às vistas do ministério público paulista que, habitualmente é conivente com crimes deste gênero.

 

 

Foto: Fram Martins

Gestação de 5 baleias

 

 

A gestação de uma baleia demora 30 meses, multiplique por cinco e terás um aproximado do tempo de duração da obra.  Não se trata de algo monumental, projeto até meio mequetrefe, não tem nada de especial para tanta demora a não ser enrolação a enrolação para o superfaturamento da obra.

 

 

O local tem 28.500 m², e fica logo atrás do Teatro e ocupa todo o quarteirão formado pelas Ruas Conselheiro Crispiniano, Formosa, Avenida São João e Praça Ramos de Azevedo. Na primeira fase, teria sido entregues espaços reservados às Escolas de Dança e de Música, o Conservatório Dramático e Musical, edifício foi restaurado. Um estacionamento para 200 veículos também teria sido entregue.

 

 

O complexo prevê ainda a construção de uma área ao ar livre, com abertura para o Vale do Anhangabaú, que receberá o monumento em homenagem ao compositor Giuseppe Verdi, que estava instalado próximo do Municipal, além de um bar e um jardim. Esta balela de que este ou aquele prédio tem função de dar impulso ao centro da cidade, já existe desde o princípio dos anos 90 quando Marcos Mendonça foi secretário de cultura. Lembram-se da Broadway Paulistana entre outras. O endereço está ai, passe lá e veja se existe algo funcionando. (Francisco Martins).

 

Praça das Artes (av. São João, 281,Centro - ao lado do Correio).

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 00:51  comentar

Fevereiro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

15

17
21
23

24
25
27


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds