Revelando, imortalizando histórias e talentos
19.1.15

Interessados têm até dia 30 de janeiro para preencher o formulário de interesse; curso acontece de março a novembro de 2015

Escritor Haroldo de Campos -

patrono

Casa das Rosa

 

SÃO PAULO (SP) BRASIL - Quer ser escritor e não sabe por onde começar? A Casa das Rosas abre nesta terça, 20, as inscrições gratuitas para a terceira edição do Curso Livre de Preparação do Escritor (CLIPE). Para participar, é necessário ter no mínimo 18 anos e não é exigida formação acadêmica na área de literatura.

 

Os interessados têm até o dia 30 de janeiro para enviar um formulário preenchido, à disposição na recepção da Casa das Rosas ou no site, em PDF, acrescentando no máximo cinco páginas com texto de autoria do candidato, em qualquer gênero: poesia, conto, romance (trechos), crônica, etc.

 

O curso acontece entre os meses de março a novembro de 2015 e é formado por oito módulos mensais, com dois encontros por semana, às quintas-feiras, das 19h30 às 21h30, e aos sábados, das 10h às 12h. No final do curso, os participantes deverão apresentar trabalhos desenvolvidos ao longo do ano que serão divulgados no site da Casa das Rosas. Serão oferecidos certificados de participação a partir de 75% de frequência do aluno.

 

SERVIÇO

 

Curso Livre de Preparação do Escritor (CLIPE) na Casa das Rosas

Inscrições de 20 a 30 de janeiro na recepção da Casa das Rosas

Idade mínima: 18 anos

Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura

Avenida Paulista, 37 – próximo à Estação Brigadeiro do Metrô

Horário de funcionamento: de terça-feira a sábado, das 10h às 22h; domingos e feriados, das 10h às 18h

Convênio com o estacionamento Patropi: Alameda Santos, 74 (exceto domingos e feriados)

Tel: (11) 3285-6986 / (11) 3288-9447

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 23:46  comentar

"São Paulo 461 - Histórias e Memórias de Uma Metrópole" abre suas portas no dia 25 de janeiro; mostra conta também a história do samba na cidade. 

 

 

SÃO PAULO (SP) BRASIL - No dia 25 de janeiro, aniversário de 461 anos de São Paulo, o Museu Afro Brasil inaugura a exposição "São Paulo 461 - Histórias e Memórias de Uma Metrópole". A partir das 12h, o visitante será conduzido por uma arqueologia paulistana, por meio de fotografias, iconografias, esculturas, livros, pinturas, fantasias, vestidos, poemas, mapas, instalações e depoimentos.

 

A mostra conta também a história do samba na cidade. No dia da abertura, dois shows reúnem a nova e a velha guarda do samba paulistano. Entre eles, o cantor e compositor Cesinha Pivetta apresenta, às 12h, um repertório de sambas que retratam a cidade, abordando o cotidiano e a cultura de nossa gente, além de obras autorais que fazem parte de seu primeiro CD: Nossa Bandeira (2014). O show terá participação especial do compositor Osvaldinho da Cuíca, ícone do samba paulistano.

 

SERVIÇO

 

Exposição “SÃO PAULO 461 – HISTÓRIAS E MEMÓRIAS DE UMA METRÓPOLE”

Abertura: 25 de janeiro, 12h

Local: Museu Afro Brasil

Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral, s/n

Parque Ibirapuera - Portão 10

Tel: 11 3320-8900

Na última 5ª feira de cada mês, o Museu permanece aberto até às 21h para visitação noturna

Ingresso: Entrada Inteira: R$ 6,00/ Meia Entrada: R$ 3,00

Grátis às 5ª feiras e sábados

A meia entrada será concedida a estudantes e aposentados, mediante comprovação

 

 

Mais informações podem ser obtidas no www.museuafrobrasil.org.br

 

---------------------------------------------------------

Exposição "Arte Sacra na Ourivesaria" no Museu de Arte Sacra

Mostra conta com cerca de 130 peças, entre joias, relíquias, navetas, gomil e jarras, ostensórios, âmbulas, cálices, penas, cruzes, santos óleos entre outros

Em comemoração ao aniversário da capital paulista, o Museu de Arte Sacra de São Paulo abre hoje a exposição "Arte Sacra na Ourivesaria". A mostra conta com cerca de 130 peças, entre joias, relíquias, navetas, gomil e jarras, ostensórios, âmbulas, cálices, penas, cruzes, santos óleos e uma instalação de lampadários, além de outros objetos sacros.

 

A historiografia paulista descreve uma São Paulo, do período colonial, pobre diante do esplendor das minas de ouro, em Minas Gerais, da riqueza na Bahia e do apogeu da corte, no Rio de Janeiro. Entretanto, pesquisas e análise de novas fontes apontam que, nesta São Paulo dita pobre, existiam profissionais ourives.

 

 

SERVIÇO

Exposição "Arte Sacra na Ourivesaria" no Museu de Arte Sacra

Curadoria: Maria Inês Lopes Coutinho
Abertura: 24 de janeiro de 2015, sábado, às 11h
Período: 25 de janeiro a 8 de março de 2015
Local: Museu de Arte Sacra de São Paulo – 
www.museuartesacra.org.br
Avenida Tiradentes, 676 – Luz, São Paulo
Tel.: (11) 3326.3336 – agendamento de visitas monitoradas
Horário: terça a sexta das 9h às 17h, sábado e domingo das 10h às 18h
Ingresso: R$ 6,00 (estudantes pagam meia entrada); Grátis aos sábados. Isentos: idosos acima de 60 anos, crianças até 7 anos, professores da rede pública (com identificação) e até 4 acompanhantes

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 23:44  comentar

Janeiro 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
14
15
17

18
20
21
24

26
28
30
31


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds