Revelando, imortalizando histórias e talentos
27.2.20

"Luzia Homem" filme de Fábio Barreto indicado ao Kikito de Ouro de Melhor Filme Brasileiro, tra no elenco Cláudio Ohana, José de Abreu e Thales Pan Chacon.


No sertão do Ceará, jagunços de uma fazenda saqueiam e matam os pais de Luzia, uma garotinha, que presencia a tudo.  Ela é, então, criada por um vaqueiro, adotando os costumes masculinos do sertão.  Quinze anos depois, com sede de vingança, ela se apresenta na tal fazenda com o pretexto de conseguir emprego, e não se identifica.

 

Raulino, o temperamental proprietário, a contrata.  Logo, ela chama a atenção de dois homens: o soldado Crapiuna e Alexandre, irmão de Raulino, honesto e trabalhador.  Mas Luzia não se interessa por amores e mantém uma relação de amizade e ajuda mútua com Alexandre.

 

A fim de afastar Alexandre, Crapiuna arma uma calúnia contra ele, que é preso.  Entretanto, Tereza, irmã de Alexandre, consegue esclarecer tudo, o que faz com que Crapiuna seja preso no lugar de Alexandre.

 

Luzia e Tereza decidem ir até o litoral.  No caminho, elas encontram Crapiuna, que fugira da prisão para vingar-se de Tereza, por tê-lo denunciado. (Fram Martins). 

 

ELENCO

 

Cláudia Ohana Luzia

José de Abreu Raulino

Thales Pan Chacon Alexandre

Luiza Falcão Tereza

Ruy Polanah Padrinho

Chico Diaz Torquato

Gilson Moura Crapiuna

Ednardo Folheteiro

Henrique Cuckerman Paul Benjamin

Antonieta Noronha Avó

João Falcão Padre

Haroldo Serra Joventino

Walden Luis Cândido

João Leite Pai de Luzia

Ivonete Mãe de Luzia

Luiz Cruz de Vasconcelos Juiz

Ary Sherlock Silvestre

Antônio Freire Delegado

Jefferson de Albuquerque Jr. Prefeito

Dilson Pinheiro Capanga

Mazé Bastos Empregada

INDICAÇÕES

Festival de Gramado, Brasil

Kikito de Ouro de Melhor Filme Brasileiro (Fábio Barreto)

 

---------------------------------------

 

" A Causa Secreta "

 

Espetacular filme de Sérgio Bianchi

Estrelando Ester Goes e Renato Borghi, baseado no conto homônimo de Machado de Assis, o filme é atualíssimo. Para encenar uma nova peça teatral, o grupo faz como laboratório, pesquisas sobre a miséria no país nas filas do INSS, hospitais e seus corredores lotados, e nas próprias ruas, eles encontram um sentimento cada vez mais indiferente à dor e à humilhação dos menos favorecidos.

 

Os atores reagem isso de diferentes formas: da empatia à raiva. "A Causa Secreta", filme contundente sobre às mazelas da sociedade brasileira. Tá bem atual. Atuações viscerais de Rodrigo Santiago e Lígia Cortez.

 

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 15:19  comentar

Há algum tempo o absurdo tornou-se normal no Brasil. Nas últimas semanas vimos policiais espancando e apontando armas para alunos em uma escola pública de São Paulo, motim de PMs terminando com tiros no peito de um senador no Ceará e o presidente chamando manifestação contra o Congresso Nacional. O ódio parece andar às claras, sem qualquer pudor – e com certeza de impunidade. 

Presidente da República do Brasil, incita 
o  ódio a violência e nazismo no país

 

Em cenários críticos como esse, não é só fundamental que a imprensa trabalhe de forma livre, vigilante e combativa: é urgente.

 

É a imprensa atuante o maior pesadelo de Bolsonaro e dos que flertam com o autoritarismo. Não foi por acaso que o presidente ameaçou publicamente prender Glenn Greenwald, que difamou há alguns dias de forma nefasta e misógina a jornalista Patrícia Campos Mello, que insiste em dar uma banana para a imprensa.

 

O Carnaval passou e 2020, ano eleitoral decisivo, enfim vai decolar. Os dois primeiros meses do ano já deram uma prévia do que vem por aí: instituições em crise, medo e ânimos acirrados – algo que deve piorar conforme nos aproximamos da campanha. 

 

Pode parecer que assistir a isso em choque é tudo que você tem a fazer, mas te garanto que não é. É exatamente quando o medo ameaça nos paralisar que precisamos agir. É o que tenho dito diariamente para a equipe do Intercept.

 

Pretendemos levar nossos repórteres de norte a sul do país para trazer as histórias de maior impacto para você – e isso não é barato, não dá lucro, não interessa a anunciantes. Mas tenho certeza de que vamos conseguir, porque o Intercept conta com os melhores e mais engajados patrocinadores: nossos leitores.

 

Os tempos são sombrios, as instituições estão longe de inspirar confiança. No entanto, o jornalismo independente, corajoso e que quer mudar o mundo segue mais firme do que nunca. 

Nós não vamos parar diante da escalada de ódio. E para seguir com firmeza precisamos dos nossos leitores. Não perca a chance de reagir conosco hoje. (Fonte: Leandro Demori Editor Executivo The Intercep Brasil). 

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 15:17  comentar

Fevereiro 2020
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
15

16
17
19
21
22

23
24
25
26
28
29


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds