Revelando, imortalizando histórias e talentos
26.12.08

 
Uma das cabeças mais inspirados da MPB dos últimos anos, Zeca Baleiro lança "O Coração do Homem-bomba" volume 2. Este é também seu último disco de contrato com a gravadora MZA.
 
No início do projeto haviam possibilidades do disco estar disponível graciosamente na web mas não rolou. O repertório é muito bom, mas o clima que rolou no estúdio é que parece não ter sido dos melhores, e deixou marcas muito fortes no CD. A turma continua a mesma: Kleber Albuquerque, Totonho e Wado.
É um disco com a cara do Baleiro que continua com seu tradicional jogos de palavras. O bom humor é a grande ausência desse "O Coração do Homem-bomba" volume 2. O exemplo disso é a faixa Pastiche, uma espécie de samba-de -roda com ênfase para a ´silaba 'che'. Todas as rimas giram em torno de "che". O repente " Eu Detesto Coca Light" escrita com Chico César, conta tudo o que é pela metade.

Gravadora: MZA Music
Valor: R$ 25,00
Cotação: ****
 
 

Caetano Veloso e Roberto Carlos: 50 anos de Bossa Nova

 
Lançado disco em homenagem a Tom Jobim gravado por Caetano Veloso e Roberto Carlos soa preguiçoso e com interpretações burocráticas.

O show de Roberto Carlos e Caetano Veloso realizado em agosto de 2008, fazendo parte dos 50 anos da Bossa Nova, virou CD e DVD. "Caetano e Roberto Carlos a Música de Tom Jobim”, é um disco frio uma espécie de karaokê de luxo.
É um trabalho sem nenhuma ousadia e só surpreende aquele que se cercou de muita expectativa em que um disco gravado por Caetano e Roberto Carlos poderia ser extraordinário e cheio de ousadia, ambas passaram longe. O disco gravado ao vivo no Auditório do Ibirapuera, São Paulo, vale como documentação da data. Mas, tinha praticamente tudo para ser transformado em um marco das comemorações da Bossa Nova, e ficou relegado a um karaokê de luxo. As versões foram cantadas tal e qual originais. Houve medo, houve reverência demais à obra de Tom Jobim. Isso não é digno de dois monstros sagrados na música brasileira. Não deixa de ser agradável, chique, afinal "Insensatez' e ' Wave ' somente alguém dotado de mal gosto conseguiria estragá-las.

A oportunidade que ambos desperdiçaram é o que chama atenção. Os dois juntos e tendo disponível um repertório dos mais finos, "Inútil Paisagem", "O que Tinha de Ser" " Lígia", se esperava um trabalho arrebatador, à flor da pele. Mas saiu ao oposto. É desanimado, é pré-visível nada além do que já foi apresentado na TV, principalmente em interpretações de calouros bem mais emocionantes. O encerramento do show com "Chega de Saudade" tem um pouco de animação. O restante, um disco preguiçoso e com interpretações burocráticas. [Francisco Martins –
agenciafm@gmail.com ]


Gravadora > Som Livre
Valores> CD R$ 32,00 DVD > R$ 42,00
Cotação> ** ruim
 
EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 14:13  comentar

Dezembro 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
19

21
22
24
25
27

28
30
31


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO