Revelando, imortalizando histórias e talentos
25.10.18

 

Caetano Veloso escreve texto contra Bolsonaro no New York Times e afirma que não irá para o exílio caso Bolsonaro vença as eleições. 

Divulgação

 

 

O músico brasileiro Caetano Veloso escreve  artigo, com  título  “Vêm aí tempos negros para o meu país”, para o The New York Times contra Jair Bolsonaro, o candidato que lidera as sondagens no Brasil. No texto, o cantor defende que "se Bolsonaro vencer as eleições os brasileiros podem esperar uma onda de medo e ódio".

 

"Tal como outros países do mundo, o Brasil está perante uma ameaça da extrema-direita, uma tempestade de populismo conservador", frisa Caetano Veloso, lembrando que "o político, que deverá ganhar as eleições presidenciais no domingo, é um antigo capitão do exército que admira Donald Trump mas que se parece mais com Rodrigo Duterte, o homem forte das Filipinas". "Bolsonaro defende a venda livre de armas de fogo (...) e diz que preferia ter um filho morto a um filho gay", acrescenta.

 

"Na verdade, já houve sangue derramado. A 7 de outubro, um apoiante de Bolsonaro apunhalou o meu amigo Moa do Katendê, músico e mestre de capoeira, na sequência de uma discussão sobre política. A sua morte deixou a cidade de Salvador num estado de luto e indignação", lembra ainda o músico no The New York Times.

 

No texto, Caetano Veloso frisa ainda que não irá sair do Brasil: "Nunca quis viver em qualquer outro país que não fosse o Brasil. E não quero agora. Fui forçado ao exílio uma vez. Não volta a acontecer. Quero que a minha música e a minha presença sejam uma resistência permanente a quaisquer traços anti-democráticos que possam resultar de um provável governo de Bolsonaro". (Francisco Martins\Sapo.pt\New Yoyk Times).

 

 

 

 

 

link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 22:14  comentar

Outubro 2018
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12

14
15
16
18
19

21
23
26
27

28
30


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO