Revelando, imortalizando histórias e talentos
9.11.16

 

Mr. Donald Trump vence Hillary, apesar das falcatruas montadas pelos democratas para derrotá-lo.  Trump vence Hillary de forma magistral e tomará posse na Casa Branca em 20 de janeiro 2017. Agora Mr. Trump, cobraremos as propostas de construção de um muro na fronteira com o México e a não permissão de entrada dos islâmicos nos USA. 

 

 

Desacreditado, boicotado pela media e artistas, o republicano Donald Trump fez o que seu eleitorado já sabia: derrotou Hillary Clinton, não somente a franca favorita, mas campanha bancada pela Casa Branca, sob tutela de Obama. Terça-feira histórica para um país cheio de misticismo nas eleição indiretas.

 

Empresário bilionário do setor imobiliário e ex-apresentador de reality show, Donald Trump capitalizou uma onda de revolta contra Washington para derrotar Hillary, candidata democrata cujo currículo no establishment inclui as funções de primeira-dama, senadora e secretária de Estado dos EUA.

 

O presidente Barack Obama, que realizou campanha contra Trump, telefonou para o republicano para cumprimentá-lo pela vitória e convidou Trump para um encontro na Casa Branca na quinta-feira, informou a Casa Branca em comunicado. Obama deve se pronunciar mais tarde nesta quarta sobre a eleição. "Garantir uma transição suave de poder é uma das principais prioridades que o presidente identificou no início do ano e um encontro com o presidente eleito é o próximo passo", reconhecendo a derrota, Barack Obama finalizou. Aliás, na terça-feira, 10, acontecerá o primeiro encontro entre Barack Obama e Mr. Trump, na Casa Branca, já se tratando da transição de governo.

 

Trump obteve os 270 votos necessários no Colégio Eleitoral para conquistar um mandato de quatro anos com início em 20 de janeiro, vencendo em Estados-pêndulo nos quais as eleições presidenciais costumam ser decididas.

 

A farsa

 

Uma eleição cheia de pontos negativos onde até economistas premiados com Nobel, serviram de moleques para Hillary ao emitiram carta-aberta, onde afirmavam que Mr. Trump seria uma afronta ao mercado financeiro. Na verdade, os brilhantes economistas levaram $ 350 mil, cada um, pela falcatrua montada por Hillary e Obama. Resultado, foram esmagados politicamente. 

 

Artistas em fim de carreira, exemplo Bono Vono e Bruce Springsteen, James Taylor, fizeram campanha pro Hillary, mas não tem mais respaldo do público como antigamente. Beyoncè, fracassou ao posar dando apoio para Hillary também. (Francisco Martins). 

 

 

 

link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 16:11 

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Novembro 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11

13

20
23

27


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds