Revelando, imortalizando histórias e talentos
13.4.14

Circuito Vozes do Corpo chega a quinta edição trazendo espetáculos, debates e workshops de dança contemporânea. Mostra é dividida em quatro categorias e tem foco na cultura periférica e intercâmbio entre artistas locais, da cidade e de outros Estados

Dakunga Calunga - Nave Gris 

 

CAPITAL PAULISTANA - O 5º Circuito Vozes do Corpo é uma mostra de dança contemporânea que acontecerá entre os dias 15 de abril e 18 de maio de 2014 e reunirá 30 companhias vindas de diversos estados brasileiros, como Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Paraná e diversas cidades do estado de São Paulo, além de espaços para debates, discussões, formação e qualificação artística. Criada pela Cia. Sansacroma, o evento tem o patrocínio da Caixa Econômica Federal, Governo Federal e apoio do SESC Santo Amaro.

 

O 5º Circuito Vozes do Corpo composto por quatro categorias: Mostra de Rua, Mostra Solos, Duos e Trios, Mostra Mão Dupla e Mostra Local e contempla a diversidade artística. O evento descentraliza a produção de dança contemporânea criando atividades em diferentes espaços da região do extremo sul de São Paulo, um total de cinco espaços culturais. Todos os espetáculos e atividades são totalmente gratuitas.


Programação de 15 a 27 de abril de 2014

 

15 de abril, terça-feira, às 20h  - Mostra de Mão Dupla

Cia: Key Zetta & Cia

Espetáculo:   Obrigado por vir

Local: CEU Casa Blanca  -   Rua João Damasceno, 85 - Jardim São Luis

Sinopse: Cinco pessoas num lugar qualquer questionam qual  agradecimento seria justo hoje, qual reflexão cabe em suas bocas, qual agradecimento vibra em seus corpos.

 

17 de abril, quinta-feira, às 18h30 – Mostra de Rua

Cia: Plataforma Desvio

Espetáculo:  Paper Dolls

Local: Metrô Capão Redondo - Av. Carlos Caldeira Filho, 4261 – Capão Redondo

Sinopse: Uma dança que parte do hibridismo lingüístico, sexual, corporal, estético e de gênero para sua construção e fundamentação artística.

 

 

17 de abril, quinta-feira, às 20h  - Mostra de Mão Dupla

Cia Etra de Dança Contemporânea (Santos, SP)

Espetáculo: Balões Vermelhos

Local: SESC Santo Amaro (convivência)   Rua Amador Bueno 505 – Santo Amaro

Duração: 40 minutos

Sinopse: O espetáculo estabelece possíveis relações estabelecidas entre os balões e as afetividades, o lúdico, sensações e movimentos. Dezenas de bexigas flutuam pouco acima do solo, suspensas pelo gás hélio e dispostas com precisão em linhas e colunas,

formando um tabuleiro, que ganha vida com o movimento dos seis bailarinos.

 

17 de abril, quinta-feira, às 21h – Mostra de Mão Dupla

Cia Artesãos do Corpo (SP)

Espetáculo: Espasmos Urbanos,

Local:  SESC Santo Amaro (teatro) - Rua Amador Bueno 505 – Santo Amaro

Duração: 60 minutos

Classificação etária: 12 anos

Sinopse: O espetáculo focaliza um grupo de personagens anônimos, que expõem ao público características da população urbana, configurando uma coreografia que evoca a dinâmica da vida em uma metrópole, protagonizando cenas que revelam o absurdo de uma vida centrada no movimento da cidade.

 

19 de abril, sábado, às 14h – Mostra de Rua

Divinadança

Espetáculo: Thrilled to see the light                                                              

Local:  SESC Santo Amaro  (convivência)  -  Rua Amador Bueno 505 / Santo Amaro

Sinopse: Thrilled to see the light é uma obra cuja concepção partiu da mente do artista sul africano de Visual Arts, Ndikhumbule Nqgnambi em parceria com a coreógrafa Andrea Pivatto.

Criado a partir da ideia de blindness, cegueira, não apenas como deficiência do sentido da visão mas principalmente a cegueira do ser humano para perceber o outro, o mundo, as possibilidades, sua real e verdadeira existência.

 

19 de abril, sábado, às 15h30 - Diálogos

Local: SESC Santo Amaro  -  Rua Amador Bueno 505 / Santo Amaro

Título: Reverberações:  Influência de Coreográfos Consagrados na Nova Geração de Intérpretes - Criadores

Convidados:  Ana Botosso e Ivan Bernardelli

 

Ana Botosso é coreografa e realiza um reconhecido trabalho na Cia. de Danças de Diadema. Sua palestra vai destacar qual é a relação entre o jovem bailarino e um ícone da dança. Até quanto ele se “contamina” pelas suas influências e o acontece quando ele segue suas próprias influências.

 

Ivan Bernadelli

Bailarino e coreógrafo, trabalhou em importantes montagens como “Objeto Gritante”, de Maurício de Oliveira e “Marchas” da Cia. Sansacroma, “Duo para dois perdidos” e Coletivo MR.

 

20 de abril,  domingo, às 14h – Mostra de Rua

Rodrigo Cunha e Rodrigo Cruz (Goiás)

Espetáculo: Dúplice

Local:  SESC Santo Amaro (convivência)    Rua Amador Bueno 505 / Santo Amaro

Duração: 50 minutos

Classificação Etária: Livre

 

Sinopse: a obra nasceu de diálogos e reflexões que os bailarinos mantinham acerca da

condição e atitudes humanas e a vida em sociedade vieram provocando novos entendimentos sobre seus próprios comportamentos enquanto artistas cênicos. Pequenas questões-temas surgiram como adaptabilidade, suscetibilidade, fragilidade, convenção.

 

 

21 de abril, segunda-feira, às 16h - Workshop

Local:  SESC Santo Amaro   -    Rua Amador Bueno 505 / Santo Amaro

Título:  Laboratório:  Dança da Indignação       Mediação : Gal Martins

 

O workshop propõe um compartilhamento da pesquisa e criação do conceito criado por

Gal Martins, denominado: A Dança da Indignação.Uma linguagem estética em dança que possa reverberar as indignações sociais e pessoais através de uma abordagem política trazendo signos e elementos de uma singularidade entre arte e vida, vida e arte.

 

22 de abril, terça-feira, às 20h – Mostra Solos, Duos e Trios

Clarissa Sacchelli

Espetáculo: Performance

Local:  SESC Santo Amaro (teatro)   Rua Amador Bueno 505 / Santo Amaro

Duração: 35 minutos Classificação Etária: Livre

Sinopse:  Solo de dança que traz à tona questionamentos acerca de como o corpo é resultado de um determinado processo de produção e criação.

 

22 de abril, terça-feira, às 17h – Mostra Solos, Duos e Trios

Avoa Nucleo Artístico

Espetáculo:  Solo de Rua

Local:   Largo Treze (em frente a igreja)     Santo Amaro

Sinopse: A partir da observação dos movimentos e comportamento de pessoas nas ruas, os bailarinos desenvolvem coreografias vestidos com materiais descartáveis, surgerindo questões sobre "coisificação" do ser humano, precariedade e corpo em situação de risco.

 

22 de abril, terça-feira, às 21h

Cia Domínio Público (Campinas)

Espetáculo: Suportar

Local:  SESC Santo Amaro - Rua Amador Bueno 505 / Santo Amaro

Duração: 25 minutos Classificação etária: Livre

Sinopse: Duo de dança onde os bailarinos procuram buscar a explicação para o nascimento da intimidade, buscando, a partir deste sentimento, trazer o que há de mais essencial e sutil.

 

23 de abril, quarta-feira, às 20h – companhia convidada

Cia Sansacroma

Espetáculo: Outras portas, outras pontes

Local:  Casa de Cultura do M´Boi Mirim      Av Inácio Dias da Silva -  Jd. Santa Edwiges

 

24 de abril, quinta-feira, às 20h – Solos, Duos e Trios

Espetáculo:   Dikanga Calunga

Cia:  Nave Gris Cia Cênica

Local: CEU Casa Blanca  -    Rua João Damasceno, 85 - Jardim São Luis

Duração: 50 minutos

Classificação Etária: livre

 

Sinopse: o espetáculo aborda relações da ancestralidade feminina na contemporaneidade por meio da Dança Negra Contemporânea. Transita entre memórias pessoais e dramatúrgicas presentes nas mitologias e manifestações tradicionais de origem banto.

 

25 de abril, sexta-feira, às 20h30 - Diálogos

Local:  Fábrica de Cultura do Capão Redondo      

 Rua Algard  82  -  Capão Redondo

Categoria:  Diálogo

Título: Gênero e Homoafetividade na Dança

Convidado: Robson Ferraz

O encontro terá como objetivo traçar um panorama das reflexões sobre o corpo, sexualidade e gênero na contemporaneidade a partir de questões referentes a arte homoerótica, em especial, na dança contemporânea.

 

26 de abril, sábado, às 15h30 - Workshop

Local:  SESC Santo Amaro  -    Rua Amador Bueno  505  Santo Amaro

Título: Contato e Improvisação

Convidado: Diogo Granato

Diogo abordará o deslocamento e atrito da pele e dos músculos na dança. Diogo Granato estuda Contato Improvisação há vinte anos, e teve aulas e apresentou com Isabel Tica Lemos, Steve Paxton, Lisa Nelson e Nancy Stark Smith entre outros. Diogo é professor de Contato Improvisação há quinze anos e tem um estúdio, chamado "Espaço", há dez, onde promove aulas regulares, oficinas, imersões e Jams com professores nacionais e estrangeiros.

26 de abril, sábado, às 20h – Mostra de Mão Dupla

Cia  Grupo Gestus (Araraquara, SP)  

Espetáculo:  Cortadores

Local:  Casa de Cultura do M´Boi Mirim      Av Inácio Dias da Silva -  Jd. Santa Edwiges

Sinopse: A companhia pesquisou a trajetória do surgimento, consolidação e exclusão do “bóia-fria”, procurando refletir sobre as características, peculiaridades e eficácia em seus trabalhos de todo dia. O jogo interno do conformismo, inconformismo, resistência e dominação.

 

27 de abril, domingo, às 10h - Workshop

Local: SESC Santo Amaro   Rua Amador Bueno 505    Santo Amaro

Título: Dança Contemporânea

Convidada: Vanessa Macedo

A oficina investiga o corpo por meio de exercícios de preparação, experimentação e composição do movimento, abordando o diálogo entre ação física e motivação da ação.

 

27 de abril, domingo, às 15h30 - Workshop

Local: SESC Santo Amaro  -  Rua Amador Bueno 505    Santo Amaro

Título:  A Escrita da Dança

Convidada:  Nirvana Marinho

Participação de  Djalma Moura e Rafael Edgar com a performance Putz, Putz...

Nirvana explica o que perpassa no corpo, pensamento, afetos e escrita, olhar e percepção, revendo o mito da teoria e prática e propondo uma ação performativa da escrita. A artista atua como pesquisadora de dança contemporânea através de oficinas, textos, conferências, curadorias em projetos, festivais e espaços culturais da área

 

27 de abril, domingo, às 20h – Mostra de Mão Dupla

Cia La Puerta

Espetáculo: Tempo Roubado

Local: CEU Casa Blanca  -  Rua João Damasceno, 85 - Jardim São Luis

Duração: 60 minutos

Classificação Etária: 14 anos

Sinopse: O espetáculo toma emprestado o termo tempo rubato como inspiração. Trata-se de um  recurso expressivo musical no qual o tempo é roubado de uma nota e devolvido a outra, uma forma de ênfase muito utilizada no tango. No espetáculo, isso é traduzido para os corpos na forma de uma elasticidade temporal, servindo como metáfora para afetos e memórias que permeiam uma série de situações e relações entre os intérpretes.

 

Serviço:

Nome do Evento:   5º Circuito Vozes do Corpo

Datas:  15/04 a 18/05

Horário: Consultar programação facebook  Circuito Vozes do Corpo

 

Locais:

SESC Santo Amaro:  Rua Amador Bueno 505 -  Santo Amaro

Fábrica de Cultura do Capão Redondo:  Rua Algard  82  -  Capão Redondo

Fábrica de Cultura do Jardim São Luis:  Rua Antônio Ramos Rosa, 37 - Pq. Santo Antonio

CEU Casa Blanca:  Rua João Damasceno, 85 - Jardim São Luis

Casa de Cultura do M´Boi Mirim:  Av Inácio Dias da Silva -  Jd. Santa Edwiges

CITA – Cantinho Integrado de Todas as Artes:  R. Haroldo de Azevedo, 20 – Campo Limpo

Metrô Capão Redondo: Av. Carlos Caldeira Filho, 4261 – Capão Redondo

Poupatempo:  Rua Amador Bueno, 176/258

Praça do Campo Limpo:  Campo Limpo

 

Classificação indicativa:  Livre (o evento é livre porém verificar a Classificação indicativa de cada espetáculo) Patrocínio: Caixa Econômica Federal

 

Mais Informações: 11 98178-3307  94161-8331

Facebook:  Circuito Vozes do Corpo

circuitovozesdocorpo.wordpress.com

www.sescsp.org.br

 

Contato da Assessoria de Imprensa do Evento: 7 Fronteiras Comunicação

Lau Francisco – (11) 2548-1448 e 9-8807-6467

assessorialau@gmail.com

EDITORIAS:
link da notíciaBy Equipe formasemeios, às 00:09 

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Abril 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11



29


SITES INDICADOS
Buscar
 
blogs SAPO
subscrever feeds